0

Pós-Pan, Cielo ganha motivação extra e busca melhor fase da vida

26 out 2011
14h05
atualizado às 15h43
Mônica Garcia
Direto do Rio de Janeiro

Cesar Cielo foi exaltado pelo Flamengo nesta quarta-feira, em evento na Gávea. Em entrevista concedida ao lado dos também nadadores Joanna Maranhão, Leonardo de Deus e Henrique Rodrigues, o campeão olímpico dos 50 m livre comemorou o ótimo desempenho da natação brasileira nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara. Após a competição no México, ele se mostrou motivado para buscar a melhor fase da carreira de olho na Olimpíada de Londres, onde espera se consagrar também na distância maior: os 100 m.

Veja todos os resultados do Pan
Confira o quadro de medalhas
Assista aos vídeos do Pan de Guadalajara
Veja todos os ouros conquistados pelo Brasil

"Este ano tivemos grandes competições. O Pan, a princípio, não era uma dessas grandes, mas serviu como uma preparação muito importante para o grupo", exaltou o nadador, que na semana passada conseguiu quatro medalhas de ouro no Centro Aquático Scotiabank (nos 50 m e 100 m livre e nos revezamentos 4 x 100 m livre e 4 x 100 m medley).

Fechando uma desgastante temporada, Cielo só quer descansar pelos próximos 15 dias. Em seu período de férias, disse que não ficará preocupado em perder ou ganhar peso. Mas depois disso voltará com tudo às piscinas e treinará "oito meses" de olho nos Jogos Olímpicos.

"Vou trabalhar mais forte do que eu já trabalhei até hoje. A vontade de trabalhar e treinar é mais forte do que a de vencer. Quero muito melhorar a minha performance dos 100 m. Quero melhorar o bronze de Pequim. No ano que vem, quero chegar na minha melhor fase da vida", resumiu.

Cielo, 24 anos, ganhou os 50 m na Olimpíada de 2008 e ficou em terceiro nos 100 m. No Mundial de Esportes Aquáticos de 2009, em Roma, evoluiu para ganhar ambas as provas, mas só conseguiu triunfar na mais curta no Mundial de 2011, em Xangai - na outra ocupou a quarta colocação a um centésimo da medalha de bronze e a seis da de prata.

Ele foi a estrela do evento comandado pela presidente do Flamengo, Patrícia Amorim, nesta quarta. A dirigente, que afirmou que os nadadores do clube "estão fazendo uma grande diferença", elogiou também Joanna Maranhão, Leonardo de Deus e Henrique Rodrigues.

Joanna disse que "renasceu" treinando na Gávea. "Às vezes, quando você atinge o sucesso muito cedo, acaba ficando perdida. Ter vindo para o Flamengo só trouxe coisas boas", comentou a atleta, que até agosto passado defendia o Minas Tênis Clube.

Após fracassar no Pan do Rio de Janeiro e na Olimpíada de Pequim, a atleta, 24 anos, mostrou em Guadalajara boa parte do potencial que a transformara em promessa da natação brasileira em 2003. No México, ela conquistou uma prata nos 400 m medley e um bronze nos 200 m medley.

Já Leonardo, 20 anos, voltou a comentar sobre a polêmica touca com um patrocinador que quase lhe tirou a medalha dourada conquistada nos 200 m borboleta do Pan. "Eu brinco que eu ganhei dois ouros porque ganhei, perdi e ganhei de novo", apontou. A organização do evento chegou a desclassificar o jovem que desrespeitou o regulamento, mas voltou atrás na decisão.

Pan 2011 no Terra

O Terra transmite simultaneamente até 13 eventos, ao vivo e em HD, dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara via web, tablets e celular. Com uma equipe com mais de 220 profissionais, a maior empresa de Internet da América Latina realiza a mais completa cobertura da competição que acontece de 14 a 30 de outubro, trazendo, direto do México, a reação dos atletas, detalhes da organização e toda a competição, com conteúdo em texto, fotos, vídeos, infográficos e muita interatividade. Nas redes sociais, você acompanha a cobertura dos Jogos na fanpage do Terra, e confere os bastidores em tempo real no Facebook e no Twitter.

Acesse também a cobertura em:

http://m.terra.com.br/guadalajara2011
http://tablet.terra.com.br/guadalajara2011
http://wap.terra.com.br/pan2011/
http://www.facebook.com/TerraBrasil

Cielo posa com medalhas ganhas em Guadalajara ao lado da presidente do Flamengo, Patrícia Amorim
Cielo posa com medalhas ganhas em Guadalajara ao lado da presidente do Flamengo, Patrícia Amorim
Foto: Monica Garcia / Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra
Fonte: Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra

compartilhe

publicidade