0

"Vamos colocar em teste tudo que fizemos", diz Cielo sobre M. Lenk

24 abr 2012
16h55

Cesar Cielo disse que fez planos ambiciosos para os 50 m livre no Troféu Maria Lenk - o velocista estreia na competição na prova em que é campeão olímpico e bicampeão mundial nesta quarta-feira. As eliminatórias, no Parque Aquático Maria Lenk, no Rio, serão disputadas a partir das 9h30 e os oito mais bem classificados fazem a final à noite, a partir das 19h.

Atleta levanta 480 kg e dedica ouro olímpico à mulher

» Veja quais são os brasileiros classificados para Londres

"A ideia é fazer o melhor tempo da vida", disse o velocista do Flamengo, confiante para nadar a principal competição de clubes do País e seletiva olímpica. Cielo também vai estrear o traje da Arena que usará na Olimpíada.

O Maria Lenk segue até sábado e Cielo ainda nada os 100 m livre e, provavelmente, os revezamentos 4x50 m e 4x100 m, no estilo livre, e 4x100 m medley, pelo Flamengo (os técnicos ainda vão definir a escalação).

A competição no Rio de Janeiro vai ser um teste para o treinamento e pode servir para dar ainda mais confiança para os Jogos de Londres. "Vou tentar confirmar o meu status de favorito nesta competição. Diria que estou com 99% da melhor forma. A diferença para Londres é que devo descansar um pouquinho mais e vou estar raspado. Além de representar bem o Flamengo, a ideia é fazer, com os 99%, o melhor tempo da vida, para sentir que, com os 100%, quando chegar a hora, vai ser melhor ainda", observou.

"Acho que vamos colocar em teste tudo o que fizemos, do treino em altitude, no México, até a qualidade técnica, o trabalho do staff do PRO 16. É ano olímpico, especial, temos treinado muito. Hora de testar tudo isso. Os sete estão bem, todos treinaram muito, está todo mundo dormindo cedo, com o foco em alta", disse.

Cielo nadou os 50 m livre duas vezes nesta temporada, no Grand Prix do Missouri e no Sul-Americano de Belém, com os tempos de 22s13 e 21s85, respectivamente, 'pesado' e numa fase diferente da preparação. Ocupa o terceiro lugar do ranking mundial (21s85), depois do australiano James Magnussen (21s74) e do russo Andrey Grechin (21s82).

O técnico de Cielo, Alberto Silva, que comanda a Projeto Rumo ao Ouro em 2016, o PRO 16, confirma que Cielo pode ser rápido na competição. "Ele ainda vai ter um porcentual de 5 a 10% para melhorar até a Olimpíada. Mas já pode conseguir tempos bem significativos", disse Albertinho.

Cesar Cielo ainda informou que os treinamentos com o PRO 16 têm ditado um ritmo muito forte na preparação para a Olimpíada, cercado de cuidados. Disse, ainda, que ele e os companheiros de PRO16, a maioria nadadores do Flamengo, fizeram um pacto para "andar na linha" por resultados, baseados em cinco pilares: comprometimento, excelência, positividade, ambição e perfeição. O técnico Albertinho até tatuou as palavras no braço.

"São valores do grupo. Todo mundo pensa antes de sair fazendo as coisas. Ir a um restaurante e ficar até a 1h? Melhor não... aí, vem na cabeça: 'excelência'. Deixei um bilhetinho 'excelência' na porta da geladeira", disse Cielo, explicando que não come açúcar ou gordura e que todos os seis companheiros do PRO 16 têm feito o mesmo. "Vocês vão se surpreender como estão todos fortes, em forma."

Cielo vai defender um Flamengo forte este ano. O clube, que tem Leonardo de Deus, Henrique Barbosa, Nicholas dos Santos e Joanna Maranhão, entre outros, ganhou o reforço da espanhola Miréia Belmonte e da americana Eugene Godsoe.

Londres 2012 no Terra

O Terra, maior empresa de internet da América Latina, transmitirá ao vivo e em alta definição (HD) todas as modalidades dos Jogos Olímpicos de Londres, que serão realizados entre os dias 27 de julho e 12 de agosto de 2012. Com reportagens especiais e acompanhamento do dia a dia dos atletas, a cobertura contará com textos, vídeos, fotos, debates, participação do internauta e repercussão nas redes sociais.

Fonte: Terra
publicidade