7 eventos ao vivo

De olho no segundo turno, Adílson cobra nova postura do Figueirense

28 fev 2013
18h22
atualizado às 18h43
  • separator
  • 0
  • comentários

Sem chances de conquistar o primeiro turno e garantir vaga antecipada nas semifinais do Campeonato Catarinense, o Figueirense enfrenta o Juventus neste final de semana com o pensamento na próxima fase. Adílson Batista sabe que a equipe teve alguns empecilhos no início de temporada, mas admitiu que o desempenho poderia ter sido melhor no Estadual.

"Eu gostaria de ter uma pontuação melhor, mas é compreensível, temos que relevar, por causa das dificuldades que nós tivemos, o pouco tempo de preparação, os jogadores que não vinham sendo utilizados pelos seus clubes, com alguns chegando um pouquinho abaixo na parte física. Tudo isso, a gente compreende", relatou o treinador.

Para o segundo turno, no entanto, Adílson Batista espera uma postura diferente. Com o elenco montado, os jogadores já sabem o que devem fazer nos próximos jogos, o que também aumenta a cobrança do treinador.

"A gente mostrou, alertou, explicou. O campeonato do segundo turno vai ser diferente e a gente precisa melhorar. Temos essa consciência e espero que a equipe mantenha o padrão, faça bons jogos e a equipe tenha um desempenho dentro dos nossos objetivos", projetou o comandante alvinegro.

Aberto a contratações, o Figueirense ainda deve anunciar reforços para a temporada, mas Adílson Batista prefere observar seus jogadores, sando oportunidades para se firmarem no clube de Florianópolis. "Estamos sempre atentos. Os jogos sempre vão dando a condição de fazer observações e discutir internamente. Grande parte do grupo está tendo oportunidade, cabe a eles aproveitarem", finalizou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade