Flamengo

Flamengo

publicidade
30 de outubro de 2013 • 16h29 • atualizado às 19h09

Goiás x Flamengo: Terra acompanha partida, minuto a minuto

Jayme de Almeida afirmou que respeita a equipe esmeraldina, mas que o Flamengo vai em busca da vitória, atuando longe de casa
Foto: Daniel Ramalho / Terra
 

O Flamengo visita o Goiás nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), no Serra Dourada, pelas semifinais da Copa do Brasil. O timme rubro-negro chega embalado por ter eliminado o rival Botafogo na etapa anterior, com direito a uma goleada de 4 a 0. Agora, terão pela frente a surpresa da competição. Os goianos despacharam nas quartas de final o Vasco, por conta do gol marcado como visitante, já que ganharam em casa por 2 a 1 e perderam no Rio de Janeiro por 3 a 2. O Terra acompanha a partida, minuto a minuto.

Carregando o favoritismo por conta de sua maior tradição, o Flamengo procura adotar um discurso bem humilde em relação ao confronto desta quarta-feira. "Não podemos pensar em definição de classificado antes dos dois jogos terminarem, pois as duas equipes chegaram por méritos até esta semifinal, mostrando que podem jogar de igual para igual com qualquer adversário. Daí o respeito mútuo de quem pretende muito decidir e conquistar este título, mas sabe que o caminho até ele ainda será muito trabalhoso. Respeitamos o Goiás, mas vamos em busca de uma vitória", disse o técnico do Flamengo, Jayme de Almeida.

Na visão dos jogadores do Flamengo, para que a classificação seja alcançada é fundamental que o time carioca consiga marcar gols como visitantes. Portanto, eles prometem uma postura ofensiva.

"A Copa do Brasil pede que os times tenham uma postura ofensiva como visitantes e, se formos analisar os semifinalistas, eles pensaram nisso ao longo da disputa e por isso estão decidindo o torneio. As dificuldades agora se tornam ainda maiores, pois o caráter decisivo aumenta, assim como a proximidade da decisão faz aumentar o nervosismo. Mas temos que ser ofensivos mais uma vez nesta quarta, já que, se marcarmos gols, vamos nos aproximar consideravelmente da classificação", analisou o lateral-direito Leonardo Moura.

Em termos de escalação, sem problemas de suspensão, Jayme vai repetir a formação que empatou sem gols no domingo passado com a Portuguesa pelo Campeonato Brasileiro. A única exceção é o goleiro Felipe, que teve lesão no joelho confirmada nesta terça. Pode ser que ele só volte a jogar em 2014. Paulo Victor foi relacionado, e César ficará no banco de reservas.

Pelo lado do Goiás, o técnico Enderson Moreira vem trabalhando com seus jogadores o aspecto psicológico de um confronto decisivo, pois sabe que a imprensa vem colocando o favoritismo do lado do Flamengo. O treinador espera que seus comandados joguem com a mesma determinação de quem vem conseguindo fazer uma boa campanha na temporada.

"O Goiás não chegou a esta semifinal por acaso, mas sim por méritos, eliminado rivais qualificados como Fluminense e Vasco. Agora, teremos mais um desafio complicado pela frente e estamos cientes do que nos espera. Mas o Flamengo também vai encontrar uma equipe qualificada e disposta a conseguir a classificação para a decisão", disse Enderson, que no fim de semana poupou os titulares na vitória de 2 a 0 sobre o Náutico pelo Brasileiro.

Destaque do Goiás, Walter será desfalque na partida diante do Flamengo
Foto: Mauro Pimentel / Terra

O grande problema do Goiás é a estrela da companhia, o atacante Walter, que está vetado por conta de lesão na coxa esquerda. Caso isso aconteça, Júnior Viçosa será o substituto. Outro que não joga é o volante Amaral, suspenso por acúmulo de cartões amarelos. Como Enderson não confirmou o time, Thiago Mendes e Dudu Cearense disputam o posto.

As duas equipes já se enfrentaram uma vez esse ano, no primeiro turno do Campeonato Brasileiro, também no Serra Dourada. Naquela ocasião Walter fez o gol dos goianos, mas Chicão assegurou o empate.

FICHA TÉCNICA 
GOIÁS X FLAMENGO 

Local:
 Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO) 
Data: 30 de outubro de 2013, quarta-feira 
Horário: 21h50 (de Brasília) 
Árbitro: Wilson Luiz Seneme (Fifa-SP) 
Assistentes: Altemir Hausmann (Fifa-RS) e Bruno Boschilla (PR) 

GOIÁS: Renan; Vítor, Ernando, Rodrigo e William Matheus; Thiago Mendes (Dudu Cearense), David, Eduardo Sasha, Hugo e Roni; Walter (Júnior Viçosa) 
Técnico: Enderson Moreira 

FLAMENGO: Paulo Victor; Léo Moura(Rafinha), Wallace, Chicão e João Paulo; Amaral, Luiz Antonio, Elias e André Santos; Paulinho e Hernane 
Técnico: Jayme de Almeida

Terra Terra