2 eventos ao vivo

Com show, Fred se consagra em vitória e dá título ao Flu em SP

11 nov 2012
19h17
atualizado às 22h46
EMANUEL COLOMBARI
Direto de Presidente Prudente (SP)

Fora das convocações recentes do técnico Mano Menezes para a Seleção Brasileira, o centroavante Fred foi o responsável pelo último degrau que Fluminense subiu para conquistar, neste domingo, o título do Campeonato Brasileiro de 2012. Foi graças a três gols do camisa 9 que o time carioca venceu o Palmeiras por 3 a 2 em Presidente Prudente (SP), assegurando a taça que veio também com o empate do Atlético-MG com o Vasco da Gama por 1 a 1.

Como um legítimo camisa 9, Fred não apareceu o jogo todo. Não deu arrancadas, dribles desconcertantes. A ele, cabia a função de esperar a bola na área e mandar para as redes. E nas poucas oportunidades que teve, não vacilou: cumpriu a promessa e se tornou o grande nome do Fluminense de um time repleto de grandes nomes.

Em meio a uma pressão inicial do Palmeiras no Estádio Eduardo José Farah, Fred teve poucas chances no começo do jogo. Aos 5min do primeiro tempo, bateu por cima do gol defendido por Bruno. Depois, aos 12min, ganhou da marcação por cima e cabeceou alto, com Bruno saltando acrobaticamente para espalmar por cima do gol. Era pouco para responder à posse de bola palmeirense.

Aos poucos, porém, o camisa 9 foi conquistando seu espaço na área alviverde ¿ como aos 29min, em que Bruno tentou levantar a bola na área pela direita, e Román (que substituiu o machucado Henrique) afastou de cabeça antes que ela chegasse a Fred. Aos 38min, o mesmo Fred recebeu cruzamento e cabeceou; Bruno espalmou na trave, e Fred espanou o rebote.

Com tranquilidade, o time carioca ia tomando conta do avanço alviverde, assumindo o controle do jogo. E tal superioridade técnica se traduziu em números: aos 45min, Wellington Nem chutou cruzado, Bruno defendeu e Fred chegou antes de Juninho para empurrar para as redes. Festa nas arquibancadas, que logo virou gritos de provocação.

Logo aos 8min do segundo tempo, mais festa (e provocação) da torcida tricolor: Fred tentou cruzar a bola para a área pela direita, mas a bola desviou em Maurício Ramos e encobriu Bruno. Seria a consagração de Fred, mas o Palmeiras ressuscitou no jogo e empatou - primeiro, diminuindo em chute de Barcos aos 16min, depois, igualando o marcador na cabeçada de Patrick Vieira aos 19min.

Na chance que teve para, mais uma vez, fazer sua parte e matar o jogo, Fred fez o que não tem feito: desperdiçou. Aos 37min, após escanteio pela direita, o camisa 9 dominou na segunda trave e, de frente para as traves, mandou para fora. Porém, aos 43min, mais uma vez, o homem do jogo apareceu para escorar o cruzamento de Jean, fazendo 3 a 2. Era o terceiro gol de Fred no jogo, o 20º no Brasileiro e o título do Fluminense. Mesmo longe do Rio de Janeiro, a torcida fazia a festa no caloroso interior de São Paulo.

Atacante é o artilheiro do Brasileiro com 19 gols
Atacante é o artilheiro do Brasileiro com 19 gols
Foto: Fernando Borges / Terra
Fonte: Terra
publicidade