2 eventos ao vivo

Diretoria do Flu garante que renovação de Cavalieri está em andamento

19 dez 2014
17h20

A diretoria do Fluminense segue negociando a renovação contratual do goleiro Diego Cavalieri, e, nesta sexta-feira, os dirigentes se mostraram mais animados com um possível desfecho positivo nas tratativas. O diretor executivo Fernando Simone disse que tem conversado diariamente com o representante de Cavalieri e acredita que o acordo está cada vez mais próximo, com o novo contrato podendo ser assinado até domingo.

Simone disse que os entendimentos foram complicados porque o Fluminense vive uma nova realidade financeira desde que a Unimed rompeu o contrato de patrocínio. Agora o clube vai arcar integramente com os novos contratos. De qualquer forma, o Tricolor carioca já começou a se preparar para buscar uma alternativa caso a renovação de Cavalieri volte a empacar. O último nome citado nas Laranjeiras como possível reforço para a posição foi o de Marcelo Lomba, goleiro formado na base do rival Flamengo e que atualmente defende o Bahia.

Com o rebaixamento da equipe baiana para a Série B, Marcelo Lomba manifestou vontade de trocar de clube. Como foi revelado no rubro-negro e sua família reside no Rio, ele gostaria de retornar ao futebol carioca, segundo contato preliminar com um emissário tricolor. O lateral esquerdo Chiquinho e o zagueiro Gum estão renegociando o contrato, sendo que o último está mais perto de um acordo.

De acordo com empresário, Fred deve permanecer no Fluminense

Se depender da palavra do seu empresário, o atacante Fred não deixará o Fluminense, apesar do aumento das especulações sobre o seu futuro. Em entrevista à Rádio Bradesco, Francis Mello garantiu que não existe qualquer conversa com o outro clube. Ele também afirmou que a Unimed vai seguir pagando os salários do artilheiro até o final do contrato.

"Fim de ano sempre tem muita especulação. O Fred pretende cumprir o contrato com o Fluminense e a Unimed vai honrar os compromissos com o atleta. Não existe a menor chance de Fred deixar o Fluminense, principalmente para outro clube brasileiro", assegurou o estafe do atacante.

O mesmo empresário está conversando com os dirigentes do Náutico sobre a transferência do meia Vinicius para o Tricolor das Laranjeiras. Um dirigente pernambucano confirmou as negociações e disse que apesar do interesse manifestado por Palmeiras e Ceará, o desejo de Vinicius é defender o Fluminense.

Wagner é motivo de polêmica entre rivais

Mário Bittencourt, vice-presidente de futebol, não gostou de saber do interesse do Flamengo pelo meia Wagner. O dirigente tricolor insinuou que o arquirrival não tem dinheiro para pagar a multa rescisória que prende o jogador ao Fluminense. "A melhor coisa que o Flamengo pode fazer é procurar outro jogador, porque Wagner não vai sair", assegurou o cartola.

Bittencourt também comentou a questão que envolve a "briga" com o Vasco pelo direito de escolher o lado da torcida no Maracanã. O dirigente disse que o Fluminense vai fazer valer o que foi definido no contrato com o Consórcio Maracanã e não admite mudar de posição para favorecer o Vasco.

Ao tomar posse como presidente do clube cruz-maltino, Eurico Miranda garantiu que a torcida vascaína voltará a ocupar o lugar que passou a ser utilizado pelos tricolores.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
publicidade