3 eventos ao vivo

A uma vitória do título inédito, São Paulo recebe Tigre pela Sul-Americana

11 dez 2012
14h46
atualizado às 14h50

O São Paulo vai entrar em campo nesta quarta-feira, às 21h50 (horário de Brasília), para enfrentar o Tigre, da Argentina, na segunda partida da final da Copa Sul-Americana, e pode fazer história levantando um troféu inédito na sua história, em pleno Morumbi.

Na partida de ida, disputada na semana passada em La Bombonera, as duas equipes empataram sem gols. Com isso, quem vencer o jogo será campeão. Inicialmente, o dono do título também garantiria vaga na fase prévia da Taça Libertadores do ano que vem, entretanto, os dois times já se garantiram, o São Paulo pelo quarto lugar no Brasileirão, e o Tigre por ser o melhor argentino na Sul-Americana.

Além do atrativo natural de uma final de campeonato, o duelo de amanhã ainda marca a despedida do meia-atacante Lucas, que fará sua última partida pelo São Paulo antes de se apresentar ao Paris Saint-Germain, clube que adquiriu seu passe por 43 milhões de euros.

A principal novidade 'tricolor' para a partida é a escalação do centroavante Willian José, que jogará no lugar de Luís Fabiano, expulso na partida de ida em Buenos Aires. No jogo da última quarta-feira, inclusive, houve muita reclamação dos jogadores da equipe paulista quanto a violência dos rivais.

Fora Luís Fabiano, o time que Ney Franco colocará em campo é o mesmo que vem jogando nas últimas partidas, com o zagueiro Paulo Miranda atuando na lateral direita, e uma trinca de meias ofensivos formada por Jadson, Lucas e Osvaldo, para municiar Willian José.

No Tigre, a estratégia da equipe deve ser muito parecida com a da partida de ida. A intenção do técnico Néstor Gorosito é que sua equipe tenha mais posse de bola do meio-campo para frente, mantendo a formação, com duas linhas de quatro, um enganche (expressão usada na Argentina para denominar o meia armador) e um atacante.

No Tigre, a dúvida é quanto ao substituto do zagueiro Alejandro Donatti, também expulso no jogo de ida. Quem deve aparecer é o jovem Erik Godoy, de apenas 19 anos, surpresa na lista de relacionados por Gorosito para a partida, já que o atleta só fez três partidas neste ano. O garoto desbancou, inclusive Javier Malagueño, ex-Málaga, que era a opção natural para o setor, e nem relacionado foi.

A principal esperança do Tigre para conquistar seu primeiro título internacional é o atacante Ezequiel Maggiolo, de 35 anos. Revelado no clube, com passagens por LDU de Quito, Estudiantes de La Plata, Atlético Nacional, o jogador voltou para o clube em 2011.

Nesta temporada, o 'Matador de Victoria', em menção ao bairro de origem do Tigre, não vive momento expressivo, tendo feito apenas um gol no Inicial do Argentino. Na Sul-Americana ele fez mais um gol, nas oitavas de final, contra o Deportivo Quito, ainda assim, é um dos principais nomes do time, ao lado do meia ofensivo Rubén Botta.

Prováveis escalações:.

São Paulo: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi, Rhodolfo e Cortez; Denilson e Wellington, Jadson e Lucas; Osvaldo e Willian José. Técnico Ney Franco.

Tigre: Damián Albil; Norberto Paparatto, Mariano Echeverría, Erik Godoy e Lucas Orban; Martín Galmarini, Gastón Díaz, Diego Ferreira, Ramiro Leone e Rubén Botta; Ezequiel Maggiolo. Técnico: Néstor Gorosito.

Árbitro: Enrique Osses (Chile), auxiliado pelos compatriotas Francisco Mondria e Carlos Astroza.

Estádio: Morumbi, em São Paulo.

EFE   
publicidade