2 eventos ao vivo

Guerrero diz não ter coragem de Emerson: "quem não sabe que é maluco?"

19 ago 2013
13h40
atualizado às 14h47
  • separator
  • 0
  • comentários

Paolo Guerrero teve o nome gritado no domingo, substituiu o vaiado Alexandre Pato e fez o gol da vitória do Corinthians sobre o Coritiba. Escolhido para conceder entrevista após o treino de segunda, mal foi questionado sobre o jogo e falou muito mais sobre o beijo de Emerson em um amigo.

<p>Paolo Guerrero afirma que não tem coragem mostrada por Emerson, que postou foto beijando um amigo</p>
Paolo Guerrero afirma que não tem coragem mostrada por Emerson, que postou foto beijando um amigo
Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians / Divulgação

"O Sheik é maluco, todo mundo sabe disso. Ele tem muito humor, fica zoando as pessoas, está sempre com alguma coisa nova", afirmou o peruano, jurando não ter visto a imagem publicada pelo camisa 11, alvo de protesto de cinco torcedores que se identificaram como membros da Camisa 12.

Sem saber que os uniformizados exibiam faixas e exigiam desculpas do lado de fora do CT do Parque Ecológico, Guerrero disse imaginar outra reação. "Quem não sabe que o Sheik é maluco? Todo o mundo sabe. Ninguém vai zoar porque o torcedor corintiano sabe disso. A torcida até canta ‘o Sheik vem aí, o bicho vai pegar’", comentou.

Ao publicar a foto em uma das redes sociais em que marca presença, Emerson escreveu que era necessário ter muita coragem para tomar essa atitude. Uma coragem que Guerrero afirma não ter. Indagado, o peruano fugiu da pergunta sobre a necessidade de os atletas se posicionarem sobre o tema da homossexualidade.

"O Sheik tem coragem para fazer isso. Eu não tenho coragem para fazer isso", sorriu o peruano, que não comemorará nenhum gol tocando os lábios de seu companheiro de ataque mais corajoso e maluco. "Não! Um abraço, sim. Beijo, não. Chance zero".

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade