0

ASA domina e derrota um irreconhecível América-MG

9 ago 2013
21h28
atualizado às 21h41

O ASA não teve dificuldade para controlar o jogo contra uma apática equipe do América-MG, venceu com autoridade por 2 a 0, e se afastou, temporariamente, da zona do rebaixamento na Série B. Além disso, quebrou uma série invicta de 10 jogos do adversário, que pode ver a vaga no G4 se afastar ao fim da rodada.

No primeiro tempo, a equipe de Arapiraca dominou completamente a partida. O time mineiro, irreconhecível, não conseguia criar. Em cinco minutos, o ímpeto e superioridade dos alagoanos foram traduzidos em gols. Aos 32, Eliomar Bombinha subiu mais alto que a zaga do Coelho e escorou de cabeça para o fundo das redes. A animada torcida presente no Coaracy Fonseca, que já estava feliz com o resultado parcial, foi a loucura quando, aos 37, Wanderson aproveitou falha primária da zaga adversária e, cara a cara com o goleiro, bateu com capricho no ângulo, ampliando a vantagem para os donos da casa. E 2 a 0 foi barato para o América. Matheus fez boas defesas e evitou um desastre para o Coelho. Além disso, o ASA teve um gol anulado por impedimento duvidoso, logo nos minutos iniciais.

Na segunda etapa, o ASA continuava dando as cartas, enquanto o Coelho era um simples obsevador da partida. Com chances consecutivas, o time nordestino estava mais próximo do terceiro do que o América de empatar. Aos 10 minutos, Wanderson perdeu gol inacreditável! Sem goleiro, o atacante pegou mal na bola e jogou-a por cima da baliza defendida por Matheus. Após a oportunidade desperdiçada, o time mandante se retraiu perigosamente, dando espaço para o adversário trocar passes, apostando na velocidade de seu contra-ataque. Apesar de ter liberdade para criar, o América não estava em uma noite inspirada, ameaçando muito pouco, uma postura completamente diferente das que vem apresentando na Segundona. O placar não se alterou mais.

Em Fortaleza

O Atlético-GO conquistou três pontos importantes ao derrotar o Ceará, por 1 a 0, no Castelão. Os goianos se reabilitaram da goleada sofrida para a Chapecoense, por 3 a 0, na última rodada. Diego Giaretta marcou o gol da vitória rubro-negra, logo aos 13 do primeiro tempo. Os visitantes se afastaram do Z4, enquanto os nordestinos perderam a chance de encostar nos primeiros colocados.

Fonte: Lancepress! Lancepress!
publicidade