1 evento ao vivo

Atual campeão e em busca do hepta, Egito vira sobre Nigéria

12 jan 2010
15h54
atualizado às 16h56

Apesar de estar fora da Copa do Mundo de 2010, o Egito é uma das potências do futebol africano. Tal condição foi provada nesta terça-feira, com uma vitória de virada sobre a Nigéria, por 3 a 1, na estreia de ambos pela Copa Africana de Nações. Em Angola, na cidade de Benguela, Meteeb e Hassan balançaram as redes nigerianas e coroaram o início da luta egípcia pelo heptacampeonato continental.

O triunfo deixou o Egito na liderança do Grupo C, com três pontos, aguardando o desfecho de Benin x Moçambique, ainda nesta terça, para saber se dividirá a condição ou ficará sozinho no posto. Já a Nigéria tem os próximos dois jogos para lutar por uma das vagas nas quartas de final da Copa Africana de Nações.

O jogo

Depois de fazer um bom papel na Copa das Confederações - apesar de desclassificado na primeira fase, deu trabalho ao Brasil e bateu a atual campeã mundial Itália -, o Egito se lançou ao ataque no início do confronto desta terça, mas acabou surpreendido pela Nigéria: aos 10min do primeiro tempo, Obasi passou por Fathalla e chutou forte, sem chances para o goleiro El Hadary.

Os nigerianos, porém, falharam na defesa e permitiram ao Egito empatar o jogo. Meteeb recebeu um lançamento na medida no campo de ataque, em posição legal, e sem marcação só teve o trabalho de driblar o goleiro e tocar para o gol vazio: 1 a 1.

Veio o segundo tempo e, com ele, o gol da vitória egípcia. E com estilo: aos 7min, Zidan recebeu a bola no lado esquerdo do ataque, parou na frente do zagueiro e rolou para trás. Em seguida, Hassan acertou um belo chute no ângulo direito do goleiro Enyeama. Ainda deu tempo para Gedo, aos 40min, fechar a conta.

No próximo sábado, a Nigéria entra em campo às 14h (de Brasília) para encarar o Benin, em também em Benguela. Duas horas e meia depois será a vez de o Egito jogar pela segunda vez nesta Copa Africana de Nações, diante de Moçambique.

Egito é o atual campeão africano
Egito é o atual campeão africano
Foto: / Reuters
Fonte: Terra
publicidade