Brasil 2014

 
 

Esportes » Futebol » Futebol

 Polícia enfrenta manifestantes que tentavam chegar a sorteio da Copa
30 de julho de 2011 14h38 atualizado às 16h51

Comentários
 
Policiais esperam manifestantes que tentavam chegar à Marina da Glória. Foto: Mônica Garcia/Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra

Policiais esperam manifestantes que tentavam chegar à Marina da Glória
Foto: Mônica Garcia/Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra

Mônica Garcia
Direto do Rio de Janeiro

Os manifestantes que tentavam chegar até a Marina da Glória, onde está sendo realizado o sorteio das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2014, neste sábado, no Rio de Janeiro, entraram em confronto com os policiais responsáveis pela segurança do evento.

Os participantes do ato marchavam até o local do sorteio para entregar uma lista de reivindicações ao Comitê Organizador Local (COL), responsável pela realização da Copa de 2014. O alvo da manifestação é a organização da Copa do Mundo de 2014, que para os participantes tem cometido irregularidades no uso do dinheiro público e irá despejar milhares de famílias para a realização das obras do Mundial.

No entanto, os manifestantes não conseguiram utilizar uma passarela que dava acesso à Marina da Glória, fechada por causa do evento. Diante do bloqueio, eles tentaram atravessar uma avenida e fecharam o tráfego, o que motivou a repressão policial. Os policiais utilizaram bombas de gás lacrimogêneo e spray de pimenta para dispersar os participantes, que desobstruíram a via. Nenhuma pessoa foi presa ou ficou ferida.

Depois do confronto, os organizadores do protesto negociaram com o Major Uria, comandante da operação policial, que mediou um encontro entre eles e um representante da Secretaria Especial de Grandes Eventos do Ministério da Justiça, Olinto Marcelo Silva.

O funcionário do Ministério da Justiça recebeu o documento com as reivindicações dos manifestantes e se comprometeu a agendar uma reunião de seus superiores com as entidades que organizaram o ato.

Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra
  1. Polícia interveio para impedir progressão de manifestantes que pretendiam chegar até a Marina da Glória, onde é realizado o sorteio das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2014

    Foto: Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra

  2. Policiais usaram até bombas de gás lacrimogênio para repelir os manifestantes

    Foto: Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra

  3. Manifestantes se sentaram em sinal de protesto e tumulto foi controlado

    Foto: Mônica Garcia/Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra

  4. Protesto contra Ricardo Teixeira, presidente da CBF, e a organização da Copa de 2014 no Brasil, ocorreu no Rio de Janeiro no fim da manhã deste sábado

    Foto: Adriano Ishibashi/Futura Press

  5. Movimentação do protesto, na parte da manhã, ficou abaixo da expectativa

    Foto: Adriano Ishibashi/Futura Press

  6. Cartazes dos mais diferentes tipos, quase sempre contra Teixeira, foram espalhados pelos protestantes

    Foto: Adriano Ishibashi/Futura Press

  7. Simultaneamente, em Itaquera, comunidade paulistana também se mobilizou e organizou protesto contra o Mundial

    Foto: Mônica Garcia/Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra

  8. Índio também compareceu ao evento, organizado próximo da Marina da Glória

    Foto: Mônica Garcia/Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra

  9. Manifestantes pretendem entrar no sorteio da Copa e entregar protesto ao Comitê Organizador

    Foto: Mônica Garcia/Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra

  10. O objetivo é entregar uma bola com diversos tipos de reclamações sobre a Copa de 2014

    Foto: Mônica Garcia/Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra

  11. Dizer na bola: "Fifa, deixe meu país e vá roubar em outro lugar qualquer. Fora Ricardo Teixeira"

    Foto: Mônica Garcia/Bulcão e Tresdê Assessoria e Comunicação Ltda - Especial para o Terra

  12. Enquanto protesto acontecia do lado de fora, estrutura da Marina da Glória foi danificada pelo vento e causou dor de cabeça aos organizadores do sorteio

    Foto: Guto Maia/Futura Press

  13. Representado por torcedor, Fluminense é uma das atuais oposições que possui a CBF

    Foto: Adriano Ishibashi/Futura Press

/futebol/brasil2014/foto/0,,00.html