1 evento ao vivo

Após vitória sobre Bahia, Atlético-MG volta forças para título do Brasileiro

16 ago 2013
07h30
atualizado às 11h18
  • separator
  • comentários

Após vencer a Copa Libertadores, é normal que os clubes “esqueçam” o campeonato nacional e voltem suas atenções para o mês de dezembro, quando o Mundial Interclubes é disputado. Isso aconteceu com os últimos brasileiros que venceram a competição continental (Santos, Corinthians, São Paulo e Internacional), terminando o Brasileiro em uma posição intermediária, sem pensar em voos maiores. O Atlético-MG, porém, quer mudar essa escrita e já pensa em lutar pelo título nacional.

<p>Vitória sobre o Bahia animou Leonardo Silva e outros jogadores do time alvinegro</p>
Vitória sobre o Bahia animou Leonardo Silva e outros jogadores do time alvinegro
Foto: Paulo Fonseca / Futura Press

Após a vitória sobre o Bahia, por 2 a 0, na noite da última quarta-feira, no Estádio Independência, o técnico Cuca e o meia Ronaldinho deixaram isso claro. O treinador alvinegro, inclusive, já faz as contas para o final do Campeonato Brasileiro.

“Ano passado, nessa mesma etapa da competição, nossa equipe tinha 33 pontos, ou algo assim, e éramos o líder. Hoje o líder tem 25. Deu uma caída, está mais lutado, os pontos estão mais divididos. Não terão aquelas equipes que vão desgarrar. Vai bater o campeão com 70 e pouco ou até menos”, calculou o treinador.

Considerando as contas do treinador alvinegro, o clube precisa começar a focar mais na competição, afinal, tem apenas 15 pontos e uma campanha relativamente fraca para quem almeja lutar pela taça. O histórico da competição desde 2003, quando iniciou os pontos corridos, entretanto, mostra que o pensamento de Cuca tem fundamento.

Logo quando essa forma de disputa foi iniciada, acabando com as fases finais, a numeração do vencedor vem diminuindo a cada ano. O Cruzeiro foi o primeiro campeão e somou 100 pontos em toda competição. Mas, em compensação, em 2009, quando o Brasileiro foi muito disputado e decidido apenas nas ultimas rodadas, o Flamengo ficou com a taça com apenas 67 pontos.

Com o mesmo pensamento de Cuca está o meia Ronaldinho. O camisa 10, inclusive, foi mais duro e afirmou que quem está no grupo precisa ter vontade de vencer. “Vamos brigar para ser campeão, a mentalidade é essa, vamos jogar para ser ganhar a competição. Vamos brigar sim por ela. Jogador dentro do clube tem que pensar assim, tem que querer lutar, se não for assim não adianta”, disse Ronaldo.

O zagueiro Leonardo Silva também quer ficar com a taça. Ao vencer o Bahia, ele garantiu que o time já voltou o pensamento no Brasileiro e esqueceu a conquista da Libertadores. Ele, no entanto, diz que a corrida pela titulo terá que acontecer de forma bem trabalhada. “Temos que pensar sempre no melhor, não tivemos um começo bom, esperamos fazer o melhor para chegar o mais rápido a disputa do titulo, vamos subir na tabela com tranquilidade para no final conseguirmos disputar o titulo. Esperamos evoluir sempre”, destacou.

Léo explicou ainda que o equilíbrio entre os times que lutam pela taça vai ajudar o Atlético-MG. “A disputa está equilibrada lá na frente, a pontuação está menor, esperamos poder chegar lá em cima o mais rápido possível e conseguir alcançar os líderes”, finalizou.

Vale ressaltar que o Atlético-MG, além de lutar pelo Campeonato Brasileiro, também tem a Copa do Brasil para disputar – competição que ganhou nova forma em 2013 e está mais longa.

PONTUAÇÃO FINAL DOS ULTIMOS VENCEDORES

2003 – Cruzeiro - 100 pontos

2004 – Santos - 89 pontos

2005 – Corinthians - 81 Pontos

2006 - São Paulo - 78 pontos

2007 - São Paulo - 77 pontos

2008 - São Paulo - 75 pontos

2009 - Flamengo - 67 pontos

2010 - Fluminense - 71 pontos

2011 - Corinthians - 71 pontos

2012 - Fluminense – 77 pontos

Veja como está o Mercado da Bola do futebol brasileiro:

Fonte: Marcellus Madureira Rodrigues de Oliveira - ME - Especial para o Terra Marcellus Madureira Rodrigues de Oliveira - ME - Especial para o Terra
  • separator
  • comentários
publicidade