0

Atacante do Palmeiras diz que ainda pede dinheiro aos pais

28 mai 2010
22h00

O jovem atacante Vinícius, do Palmeiras, de apenas 16 anos, bai na contramão das altas cifras do mundo dos jogadores de futebol de grandes clubes. O atleta disse que precisa pedir dinheiro para os pais quando quer comprar algo, já que seu salário é administrado por eles.

"Meus pais são muito cuidadosos com meu dinheiro. Nunca gostei muito de ficar preocupado com meu salário, deixo isso nas mãos dos meus pais. Acho que nunca peguei meu cartão na vida (risos). Quando quero comprar alguma coisa, peço dinheiro para eles e eles me dão", admitiu o atacante.

Vinícius, no entanto, admite que seus pais não têm muito trabalho, já que o próprio se considera tranquilo. "Sou muito caseiro, quase não saio. Tenho bons conselheiros em casa. Eles não são pão-duro, não", brincou.

O jogador, que também admite que tem tido dificuldades na escola. Estudante do 2º ano do ensino médio de uma escola na Lapa, bairro de São Paulo, Vinícius afirmou que está de recuperação em matemática e física, mas que, com uma prova na última quinta-feira, se livrou da matéria história.

"O professor fez uma prova muito difícil. Acho que ele quer me ferrar (risos). Adiantei a prova de história por causa da concentração e consegui ir bem", afirmou o jogador.

O próximo compromisso de Vinícius pelo Palmeiras será no sábado contra o Grêmio Prudente, às 18h30 (de Brasília), na Arena Barueri. O clube ocupa a sétima posição com 7 pontos conquistados.

Apesar da pouca idade, Vinícius mostra entrosamento com "medalhões" do clube
Apesar da pouca idade, Vinícius mostra entrosamento com "medalhões" do clube
Foto: Marcos Bezerra / Futura Press
Fonte: Lancepress!

compartilhe

publicidade
publicidade