1 evento ao vivo

Atlético-PR vence no final e mantém Atlético-MG na degola

15 set 2010
21h26
atualizado em 16/9/2010 às 00h37

Após ter a série de seis jogos invicta na última rodada, quando perdeu para o Guarani, o Atlético-PR recebeu na noite desta quarta-feira o Atlético-MG na Arena da Baixada, em partida válida pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com um gol no fim, o time da casa venceu por 2 a 1 e afundou o xará mineiro.

Com o resultado, a equipe rubro-negra chegou aos 31 pontos, ocupando agora a sétima colocação. Já os visitantes têm 21 e permanecem na zona de rebaixamento, região que ocupam desde a sexta rodada, na 17ª posição.

O Atlético-PR começou a partida pressionando e acuando o adversário em seu campo de defesa, tanto que não demorou para abrir o placar. Após o gol de empate, os visitantes conseguiram equilibrar e o jogo ficou igual.

A torcida rubro-negra teve motivos para comemorar logo aos 2min. Paulo Baier cobrou escanteio fechado pelo lado esquerdo e Bruno Mineiro, livre dentro da pequena área, apenas desviou para dentro do gol.

Em três minutos, Branquinho tentou duas vezes e levou perigo. Aos 20min, o meia avançou pela direita e chutou forte, mas mandou para fora, perto da trave de Fábio Costa. Aos 23min, dessa vez pelo meio, o jogador finalizou com força, obrigando o arqueiro alvinegro a espalmar para fora da área.

No primeiro ataque efetivo do Atlético-MG, a equipe empatou. Em jogada de contra-ataque, aos 32min, Daniel carvalho recebeu pelo lado direito e cruzou para a área. Obina, nas costas dos zagueiros, subiu sozinho no segundo pau e cabeceou para o chão, no canto esquerdo, sem chances de defesa para Neto.

A etapa complementar começou corrida e pegada. Em sete minutos, o árbitro já havia mostrado o cartão amarelo três vezes. Assim como no primeiro tempo, o Atlético-PR tomou a iniciativa, enquanto o adversário ficou mais recuado esperando para sair no contra-ataque.

Aos 2min, Paulinho cobrou falta colocada, pelo lado esquerdo, e carimbou o travessão de Fábio Costa. Passados dez minutos, Paulo Baier perdeu grande chance. Wagner Diniz cruzou e o veterano mergulhou no segundo pau, mas mandou para fora.

Aos 29min, Mikon Leite fez boa jogada e cruzou para Bruno Mineiro, que finalizou, de carrinho, e mandou ao lado da meta adversária. Esse panorama permaneceu até o fim da partida. Mesmo entre os times que cairiam para Série B, o Atlético-MG parecia contente com o empate fora de casa e ficou fechado na defesa, esperando um erro do adversário para sair no contra-ataque.

Quando parecia que o jogo ia seguir empatado até o final, o time da casa conseguiu furar a retranca do xará e fez o gol da vitória. Aos 43min, Paulo Baier cobrou falta para dentro da área. Fábio Costa defendeu, mas a bola sobrou para Gonzalez, que, livre de marcação, garantiu a alegria da torcida na Arena da Baixada.

Na próxima rodada, o Atlético-PR enfrenta o Atlético-GO no Serra Dourada, às 18h30 (de Brasília), no sábado. Já o Atlético-MG recebe na Arena do Jacaré o Vitória, no domingo, às 16h.

FICHA TÉCNICA

Atlético-PR 2 x 1 Atlético-MG

Gols
Atlético-PR:

Bruno Mineiro, aos 2min do 1º tempo, e Ivan Gonzalez, aos 43min do 2º tempo.
Atlético-GO: Obina, aos 32min do 1º tempo.

Ponto Forte do Atlético-PR
Teve o domínio na maior do jogo, levou mais perigo e mostrou boa movimentação e troca de passes.

Ponto Forte do Atlético-MG
Compacto, o Atlético-MG conseguiu suportar a pressão até o final da partida, até sofrer o segundo gol.

Ponto Fraco do Atlético-PR
Apesar de ter o controle, não conseguiu ser mais incisivo e traduzir a superioridade em gols. Tomou um gol num vacilo da defesa, no primeiro ataque do adversário.

Ponto Fraco do Atlético-MG
Jogou muito recuado e quase não ameaçou a meta adversária. Depois de segurar o empate por toda a segunda etapa, permitiu o gol dos paranaenses nos minutos finais.

Personagem do jogo
Ivan Gonzalez entrou no segundo tempo, correu bastante e mostrou que tem estrela, fazendo o gol da vitória rubro-negra.

Esquema Tático do Atlético-PR
4-4-2
Neto; Wagner Diniz, Manoel, Rhodolfo e Paulinho; Chico, Vitor (Guerrón), Paulo Baier (Olberdam) e Branquinho (Ivan Gonzalez); Maikon Leite Bruno Mineiro. Técnico: Paulo César Carpegiani.

Esquema Tático do Atlético-MG
4-4-2
Fábio Costa; Diego Macedo, Werley, Jairo Campos e Leandro; Alê, Edison Mendez ( Joedson), Ricardinho e Daniel Carvalho; Neto Berola (Jackson) e Obina (Diego Souza). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Cartões amarelos
Atlético-PR:
Manoel, Rhodolfo, Paulinho, Paulo Baier e Ivan Gonzalez
Atlético-MG: Leandro, Joedson, Diego Macedo, Jackson e Daniel Carvalho

Árbitro
Paulo César Oliveira (SP)

Local
Arena da Baixada, em Curitiba (PR)














Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade
publicidade