PUBLICIDADE
Logo do

Corinthians

Favoritar Time

Corinthians empata com Chapecoense após gol contra e sufoco

18 set 2014 - 21h19
(atualizado às 21h32)
Ver comentários

O torcedor do Corinthians sofreu uma grande decepção nesta quinta-feira, em sua casa, pelo Campeonato Brasileiro. O time jogou mal, principalmente no segundo tempo, e passou um sufoco para empatar por 1 a 1 com a Chapecoense. O resultado veio após um gol contra de Ferrugem e chances perdidas pelo time catarinense no final do jogo.

Agora o Corinthians fica com 36 pontos e ainda está no G-4 do Brasileiro, mas uma vitória do Grêmio contra o Santos, nesta rodada, ainda pode mudar isso. Já a Chapecoense soma 23 e segue perto da zona de rebaixamento - o Botafogo, em 17º, tem 22.

O fato do Corinthians poupar alguns jogadores deu espaço para o garoto Malcom, de apenas 17 anos, mostrar seu futebol. E demorou apenas 9min para ele mostrar que realmente tem talento: recebeu a bola fora da área, entrou aplicando uma finta e chutou entre as pernas de um defensor para fazer o primeiro gol do jogo

Malcom partiu para a jogada individual e fez um belo gol
Malcom partiu para a jogada individual e fez um belo gol
Foto: Alexandre Schneider / Getty Images

Porém, como é característica do time de Mano Menezes, o Corinthians não aproveitou para partir para cima e definir o jogo. Acabou vendo a Chapecoense crescer e tendo ótima chance aos 29min, quando um cabeceio de Rafael Lima fez a bola raspar o travessão.

O Corinthians saiu de campo, após o primeiro tempo, reclamando de um pênalti não marcado em Guerrero. Mas o time teve algo pior para se preocupar quando começou o segundo tempo: aos 4min, Ferrugem fez um gol contra de forma bizarra, cabecendo a bola no próprio corpo e mandando ela para dentro do gol.

O gol desestabilizou de vez o Corinthians, que só via a Chapecoense criar as principais jogadas em contra-ataques. Mano tentou mudar o time gastando as três substituições antes dos vinte minutos - entraram Romero, Lodeiro e Bruno Henrique.

Mas mesmo assim as melhores chances de gol surgiram para a Chapecoense. Primeiro Camilo conseguiu um bom lançamento para Leandro, mas o atacante chutou desajeitado para fora. Logo depois, novamente Camilo fez boa jogada e deixou Fabinho de frente para o gol. Ele esteve na linha da pequena área, sozinho, mas chutou em cima de Fábio Santos.

Aos 38min foi a vez de pintar emoção do outro lado. Aos 38min e aos 48min, Guerrero teve a chance de pegar sobras na área e chutar, mas Danilo defendeu a primeira e depois a segunda parou em um defensor.

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade