0

Em alta no Flamengo, Petkovic comemora classificação da Sérvia

11 out 2009
14h54
atualizado às 15h36

Este sábado foi praticamente perfeito para o meia Dejan Petkovic, do Flamengo. Além de ter sido fundamental na vitória flamenguista por 2 a 1 sobre o São Paulo, o experiente meio-campista também viu a seleção de seu país natal, a Sérvia, classificar-se para a primeira Copa do Mundo desde sua separação com Montenegro.

Após golear a Romênia por 5 a 0, os sérvios garantiram-se de forma direta no Mundial, deixando a poderosa França ir para a repescagem no Grupo 7. O resultado agradou e muito Petkovic, que anotou um gol de pênalti contra o São Paulo. "Nos classificamos porque temos um técnico (Radomir Antic) competente, que está fazendo um trabalho muito bom na seleção. Estou duplamente feliz porque conseguimos vencer o São Paulo", comemorou.

No entanto, Petkovic mostra certa mágoa por nunca ter sido chamado para defender seu país. "Sempre tive futebol para disputar uma Copa, mas não entendo o motivo de jamais ter sido chamado. Gostaria de jogar nem que fosse um amistoso", lamentou o veterano.

Mesmo querendo vestir as cores da bandeira sérvia, o armador descartou totalmente uma possível convocação para a Copa, mesmo com o retorno da boa fase. E o motivo foi justamente sua idade avançada. "Para mim não dá mais, estou muito velho para isso. Gostaria de ter dez anos a menos para disputar uma Copa do Mundo", completou o flamenguista, 37 anos.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

publicidade
publicidade