Brasileiro Série A

publicidade
19 de julho de 2012 • 22h53 • atualizado às 23h23

Em reencontro, Coritiba busca empate com Palmeiras e sai da degola

Jogo desta quinta marcou a reestreia de Obina pelo Palmeiras
Foto: Heuler Andrey/Agif / Gazeta Press

No reencontro entre os dois finalistas da Copa do Brasil, empate com somente um time beneficiado. Na noite desta quinta-feira, o Coritiba conseguiu buscar uma igualdade por 1 a 1 contra o Palmeiras, em confronto realizado no Estádio Couto Pereira, e deixar a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro ao final da 10ª rodada. O time paulista, que não contou com Luiz Felipe Scolari no banco de reservas (suspenso), segue na zona mais incômoda da tabela de classificação.

» Veja reforços apresentados pelos times para a Série A

O resultado desta noite beneficiou somente o Coritiba. A equipe mandante, embora tenha completado cinco jogos sem vitória na Série A, chegou aos oito pontos e deixou a zona de rebaixamento por conta dos critérios de desempate. O Palmeiras, por outro lado, segue entre os últimos, com somente sete pontos conquistados na competição.

Depois do reencontro desta quinta-feira, que manteve as duas equipes entre as piores do Campeonato Brasileiro, Coritiba e Palmeiras voltam a campo no próximo domingo. A partir das 16h (de Brasília), a equipe palestrina, já com Felipão no banco de reservas, receberá na Arena Barueri o Náutico. Por outro lado, os paranaenses, às 18h30, encaram o Bahia, fora de casa, no Estádio Pituaçu.

Desfalcado de 11 jogadores para o compromisso desta quinta-feira, o Palmeiras procurou neutralizar o Coritiba nos primeiros minutos. Organizado em campo, o time visitante aproveitou uma jogada bem trabalhada para abrir o marcador. Logo aos 5min, Mazinho cruzou para Betinho, que apenas escorou na direção de Patrik. O meia-atacante chutou firme e abriu o marcador para os visitantes.

O gol marcado logo no início permitiu ao Palmeiras trabalhar de maneira cautelosa no restante da etapa inicial. Melhor para o Coritiba, que cresceu e passou a pressionar a defesa rival. A principal chance dos mandantes ocorreu aos 42min. Após cruzamento para a área, Everton Costa desviou de cabeça no contrapé de Bruno. O goleiro palmeirense, contudo, tirou com os pés o tento do time coxa-branca.

A pressão coritibana aumentou de intensidade na segunda etapa. As entradas de Lincoln e Anderson Aquino nas vagas de Willian Farias e Lucas Mendes tornaram a equipe mandante mais ofensiva, postura que retraiu ainda mais o Palmeiras dentro de campo.

O castigo para os visitantes veio aos 22min. O jovem Thiago Primão, apenas 19 anos, cruzou para Anderson Aquino desviar de cabeça para as redes. Bruno nada pôde fazer. Tento que "acordou" a equipe de Murtosa, que, na busca pelos três pontos, promoveu a reestreia de Obina, atacante registrado na CBF somente na última terça-feira. O centroavante, ainda fora de ritmo em relação aos companheiros, forçou a expulsão do zagueiro Pereira, nos acréscimos.

FICHA TÉCNICA

CORITIBA 1 x 1 PALMEIRAS

Gols:

CORITIBA: Anderson Aquino, aos 22min do 2º tempo

PALMEIRAS: Patrik, aos 5min do 1º tempo

CORITIBA: Vanderlei; Ayrton, Émerson, Pereira e Lucas Mendes (Anderson Aquino); Willian Farias (Lincoln), Junior Urso, Rafinha e Everton Ribeiro; Robinho e Everton Costa (Thiago Primão).
Técnico: Marcelo Oliveira.

PALMEIRAS: Bruno; Artur, Wellington, Leandro Amaro e Juninho; Márcio Araújo, Fernandinho, Patrik e Daniel Carvalho (Felipe); Mazinho (João Denoni) e Betinho (Obina).
Técnico: Flávio Murtosa (interino)

Cartões Amarelos
CORITIBA: Lucas Mendes, Everton Ribeiro, Pereira e Lincoln
PALMEIRAS: Wellington, Juninho e Mazinho

Cartões Vermelhos
CORITIBA: Pereira

Árbitro
Ricardo Marques Ribeiro (MG)

Local
Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR)

Terra