2 eventos ao vivo

Fred marca no fim, e Fluminense é tetracampeão brasileiro

11 nov 2012
19h07
atualizado às 23h08
Emanuel Colombari
Direto de Presidente Prudente (SP)

Artilheiro do Campeonato Brasileiro, Fred foi o grande responsável por garantir o quarto título nacional para o Fluminense. Decisivo como em grande parte da temporada, o centroavante assinalou dois gols, o último deles aos 43min da etapa final, e comandou a vitória por 3 a 2 da equipe das Laranjeiras sobre o Palmeiras, em duelo disputado no Estádio Prudentão, em Presidente Prudente, e assegurou a taça para a equipe de Abel Braga com três rodadas de antecedência.

» Veja como foi Palmeiras 2 x 3 Fluminense
» Confira a tabela do Campeonato Brasileiro da Série A

Grande personagem do Fluminense no campeonato ao anotar 19 gols, Fred decretou matematicamente a merecida vitória da equipe no Campeonato Brasileiro. Com 76 pontos somados, o time das Laranjeiras abriu 10 de vantagem em relação ao vice-líder Grêmio, com apenas três jogos para o término da competição. O Palmeiras, por outro lado, parece condenado a disputar a Série B em 2013: permanece com apenas 33, na 18ª posição.

A obrigação pelo resultado positivo tornou o Palmeiras agressivo durante a primeira parte da etapa inicial. Apesar da maior posse de bola e o ritmo mais acelerado, o clube paulista pecava pela falta de criatividade ofensiva. Sem conseguir penetrar na forte defesa do Fluminense, a equipe de Palestra Itália apelava para a jogada aérea. Obina e Barcos tiveram grandes chances, mas não converteram.

Acuado e evitando acompanhar o ritmo forte palmeirense, o Fluminense assumiu o controle do jogo a partir da metade da etapa inicial. O forte sol obrigou o clube paulista a diminuir o ritmo, assim, os cariocas demonstraram a qualidade técnica superior ao adversário e controlaram o confronto. A recompensa veio aos 45min. Wellington Nem recebeu na área e bateu para defesa de Bruno. No rebote, Fred, que anteriormente havia acertado a trave, mostrou oportunismo e disparou ainda mais na artilharia do Brasileiro.

A vantagem do Fluminense no placar transformou o ambiente no Prudentão. O desespero palmeirense, já enorme antes mesmo da partida, se tornou ainda maior. A falta de paciência do adversário beneficiou ainda mais os cariocas, que mostraram grande eficiência mais uma vez (com grande dose de sorte). Logo aos 8min, Fred recebeu pela direita e tentou cruzamento. A bola bateu em Maurício Ramos e encobriu Bruno.

As lágrimas já escorriam no rosto dos torcedores palmeirenses. Por outro lado, os poucos tricolores no Eduardo José Farah já comemoravam o tetracampeonato brasileiro. O cenário, contudo, mudou rapidamente. Aos 16min, Hernán Barcos aproveitou rebote após escanteio e arrematou para o gol. O paraguaio Adalberto Román, que entrou na vaga do lesionado Henrique, ainda abriu as pernas para a bola entrar.

O centroavante palmeirense pegou a bola e a levou para o meio-campo. A raça e gana do argentino motivou o Palmeiras, que não demorou a aumentar a esperança pela salvação na Série A. Aos 19min, depois de cobrança de falta de Corrêa, a jovem revelação Patrick Vieira, criticado nos últimos jogos, desviou de cabeça e igualou o marcador. Novas emoções em um duelo que parecia definido.

O final de jogo emocionante foi pior para o Palmeiras. O desespero alviverde contrastou com a maturidade do Fluminense, que definiu o Campeonato Brasileiro com tranquilidade. Aos 43min, após cruzamento para a área, Fred, o decisivo, finalizou de primeira e marcou o terceiro dos cariocas. Artilheiro e grande nome da conquista, o camisa 9 foi o responsável por dar o quarto título nacional ao clube das Laranjeiras.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 2 x 3 FLUMINENSE

Gols:

PALMEIRAS: Barcos, aos 16min do 2º tempo; e Patrick Vieira, aos 19min do 2º tempo

FLUMINENSE: Fred, aos 45min do 1º tempo, e aos 43min do 2º tempo; Maurício Ramos (contra), aos 8min do 2º tempo

PALMEIRAS: Bruno; Wesley, Mauricio Ramos, Henrique (Román) e Juninho; João Denoni, Marcos Assunção (Luan), Correa e Patrick Vieira; Obina (Maikon Leite) e Barcos.
Técnico: Gilson Kleina.

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Bruno (Diguinho), Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos; Edinho, Jean e Thiago Neves; Wellington Nem (Marcos Junior), Rafael Sobis (Valencia) e Fred.
Técnico: Abel Braga.

Cartões Amarelos
PALMEIRAS: Luan

Árbitro
Leandro Pedro Vuaden (Fifa/RS)

Público e renda
8.461 pessoas e R$ 223.495,00

Local
Estádio Prudentão, em Presidente Prudente (SP)

Fred assinalou dois gols em Presidente Prudente e garantiu o título do Fluminense
Fred assinalou dois gols em Presidente Prudente e garantiu o título do Fluminense
Foto: Fernando Borges / Terra
Fonte: Terra
publicidade