2 eventos ao vivo

Gabigol tem o maior valor de mercado do futebol brasileiro

4 jan 2016
21h44
  • separator
  • comentários

Gabriel Barbosa Almeida, o Gabigol, jogador do Santos, tem o maior valor de mercado do futebol brasileiro, de acordo com o site Transfermarkt, especializado neste tipo de cotação. O atacante de 19 anos é avaliado em 12 milhões de euros (cerca de R$ 51 milhões), aparecendo uma posição à frente de Alexandre Pato, cotado em 11 milhões de euros (R$ 47 milhões).

O bom ano de 2015 fez com que o valor de Gabriel subisse 12 vezes em relação ao que era cotado na última temporada. O jogador chegou a receber uma proposta do Fenerbahçe, da Turquia, para deixar a Vila Belmiro, mas não aceitou.

A alta valorização de Gabigol o faz superar o companheiro de time Lucas Lima, que é avaliado pelo Transfermarkt em nove milhões de euros (aproximadamente R$ 38 milhões), mesmo com a chegada do meia à Seleção Brasileira principal.

Veja o top ten de jogadores do futebol brasileiro mais bem avaliados pelo Transfermarkt

Gabriel (Santos) - 12 milhões de euros (R$ 51 milhões)

Alexandre Pato (Corinthians) - 11 milhões de euros (R$ 47 milhões)

Malcom (Corinthians) – 10 milhões de euros (R$ 43 milhões)

Renato Augusto (Corinthians), Ganso (São Paulo) e Lucas Lima (Santos) – 9 milhões de euros (R$ 38 milhões)

Elias (Corinthians) – 8 milhões de euros (R$ 34 milhões)

Gil (Corinthians) – 7,5 milhões de euros (R$ 32 milhões)

Jefferson (Botafogo) – 6,5 milhões de euros (R$ 27 milhões)

Marcos Rocha (Atlético-MG), Dedé (Cruzeiro) e Dudu (Palmeiras) – 6 milhões de euros (R$ 25 milhões)

Diego Souza (Fluminense), Giuliano e Luan (Grêmio), Rafael Carioca (Atlético-MG) e Manoel (Cruzeiro) – 5,5 milhões de euros (R$23 milhões)

Arouca (Palmeiras), Fred, Jean e Marlon (Fluminense), Willian (Cruzeiro), Alisson e Valdívia (Inter), Felipe e Luciano (Corinthians), Rodrigo Caio (São Paulo), Douglas Santos e Jemerson (Atlético-MG), Clayton (Figueirense), Marcos Guilherme (Atlético-PR), Ramiro e Walace (Grêmio) – 5 milhões de euros (R$ 21 milhões)

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade