3 eventos ao vivo

Lauro comemora gol no final da partida: "fui premiado"

8 ago 2013
01h04
atualizado às 01h14
  • separator
  • 0
  • comentários

A Portuguesa vinha sofrendo com os minutos finais das últimas partidas. Nos últimos três jogos (contra o Atlético-PR, Criciúma e Vitória), a equipe rubro-verde saiu na frente, mas nos últimos minutos as equipes rivais reagiram. Porém, nesta quarta-feira a situação mudou. Já nos acréscimos da partida no Mané Garrincha, a Portuguesa conseguiu empatar com Flamengo por 1 a 1. E autor não poderia ser um personagem melhor. Após cobrança de escanteio, o goleiro Lauro fez o dele e conseguiu um ponto para o clube do Canindé. Há 10 anos atrás, quando ainda jogava na Ponte Preta, o arqueiro marcou um gol, também de cabeça, diante do mesmo clube carioca.

Lauro fez boa defesa e depois ainda cabeceou com força para marcar seu segundo gol contra o Flamengo na carreira
Lauro fez boa defesa e depois ainda cabeceou com força para marcar seu segundo gol contra o Flamengo na carreira
Foto: Adalberto Marques/ Agif / Gazeta Press

"Hoje completa dez anos que eu tinha feito um gol de cabeça contra o Flamengo. Lembro que meu pai foi ver o jogo. Hoje foi um jogo semelhante, o jogador do Flamengo tentou tirar e ela resvalou. Fico muito feliz com isso, de poder ajudar a equipe, agora de uma maneira diferente. Fico feliz de estar colaborando. Esperamos dar uma engrenada, que seja um "up" para o time no campeonato", disse.

O arqueiro afirmou que a equipe tem trabalhado com a questão de motivação e se diz premiado pelo feito da noite. "Nos últimos dias fomos bombardeados com palestras motivacionais, pois temos que acreditar na equipe para sair da zona de conforto. Acreditei, fui premiado, e quem trabalha e se dedica as coisas boas acontecem. Fico feliz por ter repetido o feito", finalizou.

 

Fonte: Lancepress! Lancepress!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade