PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Favoritar Time

Na última passagem de Luxemburgo, Santos movimentou 78 transferências

20 jul 2009 - 17h02
(atualizado às 17h25)
Publicidade

Apesar dos sorrisos do presidente Marcelo Teixeira na apresentação de Vanderlei Luxemburgo ao Santos, nesta segunda-feira, a última passagem do treinador pela Vila Belmiro trouxe prejuízos ao clube. Uma das principais marcas foi o trânsito de jogadores. Em dois anos, foram 78 transferências movimentadas entre as temporadas 2006 e 2007.

» Fotos da apresentação do treinador
» Luxemburgo é apresentado no Santos
» Santos aposta em "ciranda Luxemburgo-Leão"
» Luxemburgo dribla assunto Muricy e admite futuro político
» Comente: Luxemburgo foi a melhor escolha para o Santos?

Já em seu primeiro ano como treinador do Santos, Vanderlei Luxemburgo, que havia sido demitido no Real Madrid, promoveu uma ampla reformulação no elenco, investindo as fichas em jogadores como Rodrigo Tabata, Reinaldo e Maldonado. A principal contratação da temporada, no segundo semestre, foi Zé Roberto, com salário estimado em R$ 500 mil mensais.

Luxemburgo também foi contestado pelos vários jogadores que contratou via Iraty. Entre outros, casos de André Beleza, Jardel, Galvão e Leandro, que o treinador classificou como "atacante diferenciado". Ao total, 2006 viu a chegada de 26 novos jogadores e a partida de 19.

No segundo ano de seu trabalho, Vanderlei apostou em jogadores experientes para a disputa da Copa Libertadores, como os zagueiros Antônio Carlos e Adaílton, o meia Pedrinho e o atacante Marcos Aurélio. Ao total, foram 15 contratações, colecionando micos como Petkovic e Baiano. As saídas foram ainda mais intensas e 18 jogadores partiram antes mesmo do fim da temporada.

Financeiramente, o Santos também teve prejuízo nas duas temporadas com Luxemburgo. Quando ele chegou ao Santos, em 2006, o clube havia tido superávit de R$ 60 milhões na temporada anterior, mas nos dois anos sob o comando do treinador isso não se repetiu: R$ 21 milhões de prejuízo na primeira temporada e mais R$ 36 milhões na segunda, de acordo com o balanço oficial santista.

Os únicos títulos nas duas temporadas foram os Campeonatos Paulistas, que o Santos não conquistava desde 1984. Luxemburgo teve dois vices no Campeonato Brasileiro e chegou às semifinais da Libertadores, em 2007.

2006

Entradas (26 jogadores)
Adaílton, André Luiz, André Oliveira, Cléber Santana, De Nigris, Dênis, Domingos, Fábio Costa, Fabiano, Fabinho (volante), Fabinho (meia), Galvão, Gilmar, Jardel, Jonas, Leandro, Luciano Henrique, Magnum, Maldonado, Manzur, Neto, Reinaldo, Rodrigo Tabata, Rodrigo Tiuí, Roger, Ronaldo Guiaro, Wellington Paulista, Zé Roberto

Saídas (19 jogadores)
André Oliveira, Basílio, Cláudio Pitbull, De Nigris, Élton, Fabinho (volante), Frontini, Galvão, Gavião, Geílson, Gilmar, Giovanni, Jardel, Léo Lima, Luizão, Magnum, Neto, Preto Casagrande, Wendel

2007

Entradas (15 jogadores)
Adoniram, Alessandro, Antônio Carlos, Adaílton, Baiano, Kléber Pereira, Leonardo, Marcos Aurélio, Neto, Pedrinho, Pedro Silva, Petkovic, Rodrigo Souto, Vinícius e Vítor Júnior

Saídas (18 jogadores)
André Luiz, Ávalos, Cléber Santana, Fabiano, Fabinho (meia), Geílson, Halisson, Heleno, Jonas, Luiz Alberto, Manzur, Pedro, Reinaldo, Rodrigo Tiuí, Roger, Ronaldo Guiaro, Wellington Paulista e Zé Roberto

Fonte: Terra
Publicidade