0

São Paulo sofre para arrancar empate de Atlético-PR

17 mai 2009
17h54
atualizado às 20h31

Na primeira partida diante da sua torcida no Campeonato Brasileiro, a equipe do São Paulo decepcionou e apenas empatou diante do Atlético-PR, por 2 a 2, no Morumbi, neste domingo. O gol salvador do empate saiu aos 43min do segundo tempo, com André Lima.

» Veja fotos da partida
» Veja a classificação atualizada
» Confira a tabela completa
» Comente o resultado

Atual tricampeã, a equipe tricolor ainda não sabe o que é vitória na competição nacional. As duas equipes somam apenas um ponto no torneio e estão nas últimas posições da tabela.

O Atlético-PR abriu o placar aos 45min do primeiro tempo. Após cobrança de escanteio pela esquerda, Rafael Santos dominou com liberdade e finalizou com força, sem chances para Bosco.

O São Paulo voltou para o segundo tempo pressionando e igualou o marcador aos 2min. Borges dominou na área pela esquerda e chutou forte, rasteiro, sem chances para o goleiro.

O time tricolor quase virou a partida aos 22min. Bate-rebate na área paranaense, Wellington bateu em cima do zagueiro e Hernanes, logo em seguida, bateu para grande defesa de Galatto. No rebote, Hugo acertou a trave direita do gol adversário.

Porém foi o Atlético-PR que ficou novamente na frente do marcador aos 29min. Marcinho cobrou escanteio pela direita e Rafael Santos cabeceou entre dois marcadores, no canto direito de Bosco.

No final da partida, o São Paulo conseguiu arrancar um empate no sufoco. Aos 43min, Hugo pegou sobra na área e chutou cruzado. André Lima desviou no meio do caminho para o fundo das redes.

FICHA TÉCNICA
São Paulo 2 x 2 Atlético-PR
Gols
São Paulo: Borges, a 1min do 2º tempo, e André Lima, aos 44min do 2º tempo
Atlético-PR: Rafael Santos, aos 45mi do 1º tempo e aos 29min do 2º tempo

Polêmicas
- Segundo gol do São Paulo. André Lima estava em posição duvidosa
- Aos 48min do segundo tempo, Washington é empurrado por Rafael Santos e o árbitro nada marca

Lances bizarros
- Richarlyson não domina a bola na defesa e Wallyson avança livre pelo meio. Sorte que o atacante adiantou demais a bola
- Rhodolfo pega sobra na área e finaliza muito mal, para longo do gol

Ponto Forte do São Paulo
Jogadas com Borges, o melhor do São Paulo em campo

Ponto Fraco do São Paulo
Jorge Wagner, que abusou dos erros de passe e cruzamentos

Ponto Forte do Atlético-PR
Primeiro tempo. Não deixou o São Paulo jogar e criou chances de abrir o placar

Ponto Fraco do Atlético-PR
Atacantes, principalmente Rafael Moura, que perdeu um gol incrível (sozinho, acertou a trave)

Personagem do jogo
Rafael Santos. Zagueiro marcou dois gols e não comprometeu na defesa

Esquema Tático do São Paulo
4-4-2
Bosco; Zé Luis, Miranda, Richarlyson e Jorge Wagner (Junior Cesar); Eduardo Costa, Arouca (Wellington), Hernanes e Hugo; Borges (André Lima) e Washington
Técnico: Muricy Ramalho

Esquema Tático do Atlético-PR
3-5-2
Gallato; Rhodolfo, Antônio Carlos e Rafael Santos; Raul, Chico, Rafael Miranda, Marcinho e Márcio Azevedo (Alex Sandro); Wallyson e Rafael Moura
Técnico: Geninho

Cartões Amarelos
São Paulo: Washington, Junior Cesar e Eduardo Costa
Atlético-PR: Rafael Santos, Marcinho e Raul

Árbitro
Wilton Pereira Sampaio (DF)






Fonte: Terra
publicidade