0

Tite pede calma e credita vitória à insistência: “não ganhamos por criação”

18 ago 2013
19h14
atualizado às 20h56
  • separator
  • 0
  • comentários

O técnico corintiano Tite, reconheceu o mau futebol apresentado pela sua equipe na tarde deste domingo, no Pacaembu. Apesar da vitória por 1 a 0, com um pênalti duvidoso sofrido por Danilo aos 45min do segundo tempo, o treinador afirmou que seu time venceu o time paranaense pela insistência.

Brasileiro Série A 2013Rodada 15

CorinthianssccpCorinthians1
0CoritibaCoritibacfc

  • Paolo Guerrero 44 ' (2T)
    2013-08-18 19:00 GMT-000 (D) FinalizadoEstádio do Pacaembu

    “Ficamos 90 minutos martelando o Coritiba. Ganhamos não por criação, mas por repetição. Colocamos volume e hoje construímos menos, mas tivemos consistência. Tem o momento de vencer e o momento de não perder”, afirmou o treinador, após o jogo pela 15º rodada do Campeonato Brasileiro.

    O treinador disse que a equipe está passando por uma reconstrução e admitiu que é normal uma comparação com o time campeão da Libertadores e mundial. Quando questionado sobre o desempenho da equipe alvinegra, Tite afirmou que a velha máxima do futebol ainda está de pé, já que o importante são os três pontos.

    “Gol no fim do jogo é gol do jogo. Sabe o que está acontecendo? Está se criando uma mentalidade que o Corinthians ganha a hora que quer e isso não é verdade. Não é soberba. E não está se observando que a equipe se reconstrói”, disse o treinador.  “Em todos os momentos decisivos, o Corinthians vai crescendo e se consolidando. Calma. Dê tempo para equipe consolidar e crescer porque em todos momentos decisivos chegamos muito fortes. Se continuarem apoiando de novo, vai ter uma equipe forte”, completou.

    Tite disse ainda que essa reconstrução necessita de mais concentração por parte dos jogadores, já que nos anos anteriores a equipe era conhecida pela paciência dentro de campo, sabendo atacar da hora certa.

    “No fim do jogo pedi calma e o mínimo de concentração. Se o árbitro não teve critério, esquece (em relação ao pênalti polêmico). Precisamos melhorar o nível de concentração, saber que ali fora (arquibancada) vão te pressionar. O torcedor tem esse carinho, mas tem que ter calma”, voltou a pedir Tite.

    Pênalti polêmico

    A respeito da penalidade marcada de Luccas Claro em cima de Danilo no último minuto de jogo, Tite admitiu não ter visto o lance após o jogo, mas afirmou que o Corinthians já foi prejudicado em outras situações.

    “Eu não vi o lance, mas quantas vezes fomos prejudicados? Houve um lance que não teve impedimento do Guerrero hoje. O mesmo Coritiba teve um lance bem complexo na última partida. Pegamos aqui o Boca e não precisamos nem falar o que aconteceu. Fomos prejudicados”, disse.

    Fonte: Terra
    • separator
    • 0
    • comentários
    publicidade