0
Logo do Brasileiro Série B
Foto: terra

Brasileiro Série B

Ipatinga vence Vila Nova em Goiânia e sobe na tabela

28 ago 2009
23h11
atualizado em 29/8/2009 às 00h08
  • separator

O Ipatinga surpreendeu o Vila Nova em Goiânia, venceu por 2 a 0 e subiu na classificação da Série B do Campeonato Brasileiro. A equipe dorme na 10ª posição, com 28 pontos, mas pode ser ultrapassada pelo Bahia no sábado. Com 26, O time goiano cai, temporariamente, para a 12ª colocação, mas o estrago pode ser ainda maior, com os resultados de sábado.

Ipatinga bateu o Vila Nova fora de casa
Ipatinga bateu o Vila Nova fora de casa
Foto: Carlos Costa / Futura Press

» Veja fotos da rodada
» Veja a classificação atualizada
» Confira a tabela e os resultados
» Comente o resultado da partida

O Ipatinga tenta confirmar sua recuperação na próxima sexta-feira, contra a Ponte Preta, no Ipatingão. Já o Vila Nova tenta a reabilitação numa partida difícil. No sábado que vem - 5 de setembro -, o time encara o São Caetano fora de casa.

A noite tinha tudo para ser do Vila. A equipe vinha motivada pela vitória de terça-feira - contra a Portuguesa, no Canindé -, pela estreia do técnico Arturzinho e pela presença da torcida - as mulheres entraram de graça no Serra Dourada. Neste clima, o time da casa foi mais ofensivo desde o início.

Enquanto o Vila foi ofensivo, o Ipatinga foi eficiente. Em cobrança de falta ensaiada, Diego Silva foi lançado pelo lado esquerdo e bateu cruzado. A bola ainda desviou na defesa, mas só parou no fundo do gol, aos 14min.

Atrás no placar, a equipe goiana se lançou ao ataque, mas o time mineiro era firme na marcação e não chegou a haver uma pressão avassaladora. Apenas uma chance interessante de gol foi criada, quando Pachola cabeceou com consciência um cruzamento da direita, mas a defesa ipatinguense afastou.

O segundo tempo foi ainda pior para o Vila Nova. O time da casa continuou se lançando ao ataque como possível, mas não criava chances. Quando a zaga não resolvia, era o goleiro Marcelo Cruz, que voltava ao time titular do Ipatinga, que garantia a vantagem.

Surgiam, inclusive, chances de gol para o time mineiro nos contra-ataques. Aos 44min, Márcio Diogo recebeu de Diego Silva pela direita, cortou o goleiro e marcou o segundo gol, acabando de vez com a esperança goiana.

Veja também:

Ranking aponta os 50 melhores clubes de 2020
Fonte: Gazeta Press
publicidade