2 eventos ao vivo
Logo do Brasileiro Série B
Foto: terra

Brasileiro Série B

Ponte bate Juventude e mantém presença no G4

4 jul 2009
18h02
atualizado às 21h03

Com um segundo tempo avassalador, a Ponte Preta mostrou que está mesmo disposta a brigar pelas primeiras posições da Série B do Campeonato Brasileiro, além de "apagar" o último resultado obtido em casa - derrota no dérbi para o líder e arquirrival Guarani. A vítima deste sábado foi o Juventude, que levou três gols na etapa final e deixou o gramado do Moisés Lucarelli com uma derrota por 3 a 0.

» Veja fotos da rodada
» Veja a classificação atualizada
» Confira a tabela e os resultados
» Comente a vitória da Ponte Preta

O triunfo deixou a Ponte Preta com 17 pontos ganhos, em terceiro lugar, mas com a posição ameaçada pelo Atlético-GO, que ainda joga na rodada e pode ir a 19. O Juventude, por sua vez, faz uma campanha pífia nesta Série B e já corre o risco de freqüentar a zona de rebaixamento à terceira divisão nacional.

Mesmo em má fase, o Juventude abdicou do ataque e optou por segurar os avanços da Ponte Preta. A estratégia deu certo no primeiro tempo, mas naufragou no segundo: logo aos 7min, Fabiano Gadelha fez uma boa jogada individual, passou pelo marcador, entrou na área e chutou cruzado, no canto: 1 a 0.

Seis minutos depois, Mineiro marcou contra, de cabeça, e fez a festa da torcida da Ponte Preta, que voltou a comemorar um gol graças a Edílson, aos 18min, em uma cobrança de falta que ninguém desviou a bola e que determinou o resultado final.

Para se manter entre os quatro melhores colocados da Série B, a Ponte Preta terá como próximo adversário o Vasco, sábado, às 16h10 (de Brasília), em São Januário. O Juventude, por sua vez, buscará o reencontro com a vitória diante do Campinense, sexta-feira, às 21h, também fora de casa.

Ficha técnica:

Gols
Ponte Preta: Fabiano Gadelha, aos 7min, Mineiro (contra), aos 13min, e Edílson, aos 18min do 2º tempo
Juventude: -

Ponto Forte do Ponte Preta
Disposição ofensiva no segundo tempo

Ponto Forte do Juventude
Firmeza na defesa durante o primeiro tempo

Ponto Fraco do Ponte Preta
Erros de finalização no primeiro tempo

Ponto Fraco do Juventude
Falta de criatividade no setor ofensivo

Personagem do jogo
Edílson, que participou de dois gols da Ponte Preta em jogadas de bola parada

Esquema Tático Ponte Preta
4-4-2
Gílson; Edílson, Gum, Dezinho e Guilherme; Deda (Galvão), Pirão, Tinga e Fabiano Gadelha; Evando (Lins) e Márcio Mixirica (Danilo Neco). Técnico: Pintado

Esquema Tático Juventude
4-4-2
Gatti; Luiz Felipe, Rogélio, Allysson e Mineiro; Walker, Tiago Renz, Leanderson (Maycon) e Ivo; Marcos Denner (Edimar) (Bruno) e Mendes. Técnico: Zé Teodoro

Cartões Amarelos
Ponte Preta: Guilherme e Deda
Juventude: Gatti, Allysson, Tiago Renz e Mendes

Árbitro
Rogério Lima da Rocha (SE)

Público
4.557 pagantes



Fonte: Redação Terra
publicidade