1 evento ao vivo
Logo do Brasileiro Série B
Foto: terra

Brasileiro Série B

Vasco para no Bragantino e segue sem vencer

30 jun 2009
22h56
atualizado em 1/7/2009 às 09h48

Jogando em casa, o Vasco da Gama empatou com o Bragantino por 0 a 0 e segue sem vencer na Série B. O time carioca completou seis jogos sem vitórias, além de colecionar o quarto resultado em 0 a 0 no torneio. O Vasco segue na sexta colocação da segunda divisão, com 14 pontos, enquanto o Bragantino subiu para a 12ª posição, com 11 pontos.

» Veja fotos da partida
» Veja a classificação atualizada
» Veja a tabela atualizada
» Comente o resultado

O Vasco começou o jogo tomando dois sustos. Em seu primeiro lance na partida, Ramon se machucou em dividida e precisou ser substituído. Depois, aos 3min, Bill tabelou com Léo Jaime e ficou na cara do gol, mas chutou para fora, mesmo já tendo passado por Fernando Prass. A resposta do time da casa saiu aos 12min, quando Robinho fez linda jogada individual, invadiu a área e chutou em cima de Kadu.

O Bragantino veio a São Januário com a intenção de se defender e aproveitar o contra-ataque ou a bola parada para marcar, logo o time carioca tinha os principais lances ofensivos. O Vasco, porém, tinha dificuldades para vencer a boa marcação do time paulista. O time da casa errava muitos passes e finalizações. A torcida vaiava a equipe (especialmente Nilton) enquanto os gols não saíam.

A equipe da casa voltou melhor no segundo tempo e Carlos Alberto ficou perto de abrir o placar aos 2min, quando recebeu bola após confusão na área, mas chutou muito mal por cima do gol. A próxima boa chance de gol saiu aos 18min. Rafael Mourisco bateu forte em cobrança de falta de fora da área e parou no goleiro Gilvan.

O arqueiro do Bragantino passou a brilhar e impedir o gol vascaíno. Aos 26min, Alex Teixeira recebeu excelente passe de Carlos Alberto e ficou livre na área, mas chutou mal e Gilvan defendeu. Um minuto depois, Philippe Coutinho chutou de longe e novamente o goleiro apareceu bem.

A última oportunidade de gol do time da casa saiu aos 38min, quando Gilvan espalmou cabeceio de Alan Kardec. As chances do Vasco se complicaram depois que Amaral foi expulso aos 41min, e o time precisou tomar conta da defesa para não perder o jogo. O resultado seguiu sem gols até o apito final.

Ficha Técnica

Lance polêmico
Aos 3min do segundo tempo, a bola bateu no braço de Titi enquanto este estava caído na área, mas o juiz mandou seguir o lance.

Ponto Forte do Vasco
Criação de jogadas com Carlos Alberto e Robinho

Ponto Fraco do Vasco
Pontaria dos atacantes

Ponto Forte do Bragantino
Defesas do goleiro Gilvan

Ponto Fraco do Bragantino
Baixo número de finalizações

Personagem do jogo
Robinho, que levou perigo à defesa do Bragantino

Esquema Tático Vasco
4-4-2
Fernando Prass; Paulo Sérgio, Vilson, Titi e Ramon (Rafael Mourisco); Amaral, Nilton (Alan Kardec), Léo Lima (Philippe Coutinho) e Carlos Alberto; Alex Teixeira e Robinho; Técnico: Dorival Júnior

Esquema Tático Bragantino
3-5-2
Gilvan; Kadu, Carlinhos e Marcelo Godri; Thiago Almeida (Sandro Almeida), Jair, Rodrigo Costa, Juninho (Paulinho) e Diego Macedo; Léo Jaime e Bill; Técnico: Marcelo Veiga

Cartões Amarelos
Vasco: Amaral, Paulo Sérgio e Alan Kardec
Bragantino: Kadu, Marcelo Godri, Juninho e Diego Macedo

Cartão Vermelho
Vasco: Amaral

Árbitro
Carlos Eugênio Simon (RS)


Fonte: Redação Terra
publicidade