Boletim

 Fale conosco
Série A
Domingo, 12 de junho de 2005, 18h02  Atualizada às 20h12
No retorno de Giovanni, Santos empata com Flu
 
Fórum
» Comente o Campeonato Brasileiro 2005
Sites relacionados
No terra
» Classificação do Brasileiro 2005
» Confira os artilheiros do Brasileiro 2005
» Confira como foram, lance-a-lance, as partidas da sétima rodada
Galeria de fotos
» Veja fotos da sétima rodada
Saiba mais
» Botafogo vira, vence Juventude e mantém liderança
» Goiás vence e coloca Palmeiras em risco
» Paraná goleia e se afasta da zona de rebaixamento
» São Caetano bate Brasiliense por 2 a 0
» Com Edmundo, Figueirense empata com Atlético-PR
» Ponte surpreende e vence Cruzeiro em Minas
» Vasco bobeia e cede empate ao Coritiba
» São Paulo e Paysandu ficam no empate
» No retorno de Giovanni, Santos empata com Flu
» Empate com Inter complica situação do Atlético-MG
» Corinthians vence Flamengo com portões fechados
 Últimas de Série A
» Situação de Wágner Diniz preocupa CRB
» Liminha comandará Flamengo no início do Estadual
» Zagueiro Rodrigo desconhece oferta do Corinthians
» Palmeiras renova com goleiro Diego Cavalieri
Busca
Busque outras notícias no Terra:
Em jogo que valia um lugar na zona de classificação para a Libertadores da América, Santos e Fluminense empataram por 1 a 1, na Vila Belmiro, em Santos (SP).

O jogo marcou o retorno do meia Giovanni, ídolo da torcida desde o vice-campeonato brasileiro de 95, ao time alvinegro, que estava sem Robinho e Léo, servindo a Seleção Brasileira, além de Ricardinho, contundido.

A partida começou com as equipes se estudando muito, e, com isso, pouco chutaram a gol. Quem assustou primeiro foi o Santos no primeiro minuto com Fabiano, que, em posição irregular, de carrinho, chutou para fora de dentro da pequena área.

O Fluminense respondeu aos 10min com Tuta, que recebeu passe de Juninho, se livrou do zagueiro, mas chutou a bola por cima do goleiro santista. E foi um dos poucos ataques do Fluminense no primeiro tempo.

O time do Santos, a partir dos 15min, já jogava melhor, até que aos 19min foi premiado com um gol de Deivid. O atacante recebeu bom passe de Bóvio e, livre de marcação, chutou forte sem defesa para o goleiro Kléber.

Depois do gol, só deu Santos. O time carioca sentiu o golpe e não conseguia trocar mais de três passes. O time paulista se aproveitava do nervosismo do Fluminense e impôs seu ritmo de jogo.

Deivid mais uma vez, em bela jogada, quase fez o segundo, aos 30min. Flávio cobrou falta no bico da área pelo lado direito do ataque, a zaga do Flu falhou e o atacante, de voleio, obrigou Kléber a fazer grande defesa.

Os cariocas jogavam mal e o Santos continuava atacando. Em mais uma falta cobrada por Flávio, Deivid quase marca de cabeça, livre de marcação aos 42min.

Por ironia do destino, a sorte premiou o Fluminense. Em um dos raros ataques da equipe no primeiro tempo, Tuta roubou uma bola no meio-de-campo, tocou para Tiuí que invadiu a área e foi derrubado pelo goleiro Mauro. Pênalti para o Fluminense.

Os santistas reclamaram muito e Deivid, o mais exaltado, acabou expulso pelo árbitro Evandro Rogério Roman. Na cobrança de pênalti, Tuta deslocou Mauro com perfeição e empatou a partida aos 46min.

No segundo tempo, as equipes abusaram nas faltas e o jogo fica muito truncado. Mas quem chegou com perigo foi o Fluminense. Logo aos dois minutos, o tricolor carioca quase virou a partida. Juninho fez boa jogada pela direita, cruzou para Tuta, que, sem marcação, matou no peito mas chutou fraco para fora, à direita de Mauro.

Apesar da vantagem numérica, o tricolor não consequia furar o bloqueio da zaga do Santos. A equipe da casa, por sua vez, esperava o Flu no seu campo de defesa, explorando os contra-ataques.

Até que aos 21min, o atacante Rodrigo Tiuí fez falta violenta e foi expulso por Evandro Rogério Roman.

Com as duas equipes com dez jogadores, o jogo ficou aberto e o times perderam diversas oportunidades de gol.

O Santos cresceu na partida e perdeu ótima oportunidade com Luciano Henrique aos 22min, que invadiu a área e chutou cruzado. A bola passou com muito perigo à esquerda do goleiro Kléber.

Aos 33min, uma boa chance para o Fluminense. O atacante Tuta recebe a bola dentro da área e toca para Alex, que, de costas para o gol, tenta de calcanhar, a bola bateu na trave.

O jogo continuou lá e cá, mas foi o Santos quem apresentou mais perigo à zaga adversária. No fim do jogo, Zé Elias, aos 46 min, e Élton, aos 48 min, perderam chances incríveis de desempatar a partida.

Mas a partida ficou mesmo no 1 a 1. Com o resultado, o Fluminense pula para a segunda colocação ao lado de Ponte Preta e Juventude. O Santos alcança seu 13º ponto.

O próximo compromisso do Santos é pela Copa Libertadores da América contra o Atlético-PR nesta quarta-feira na Vila Belmiro. Já o Flu se prepara para a decisão da Copa do Brasil contra o Paulista, em Jundiaí (SP), também nesta quarta.

O Fluminense está em quarto lugar com 14 pontos e permanece na zona de classificação para a Libertadores. O Santos vem logo atrás, na quinta posição, com 13 pontos.

Ficha Técnica
Santos 1 x 1 Fluminense
Equipes

Mauro
Flávio
Hallison
Ávalos
Wendel l
(Élton)
Fabinho
(Luciano Henrique)
Bóvio
Zé Elias
Giovanni
Fabiano
(Danilo)
Deivid

Técnico:

Gallo

Kléber
Gabriel
(Schneider)
Zé Carlos
Igor
Juan
Marcão
Radamés
Fernando
(Alex)
Juninho
(Maicon)
Tiuí
Tuta

Técnico:
Abel Braga

Gols

19min - 1º tempo
Deivid

46min - 1º tempo
Tuta
Cartões Amarelos

Mauro
Hallison
Zé Elias
Giovanni

Radamés
Igor
Rodrigo Tiuí
Cartão vermelho
Deivid Rodrigo Tiuí
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos (SP)
Árbitro: Evandro Rogério Roman (PR)

  • Com informações da Lancepress
     
  • Redação Terra