Boletim

 Fale conosco
Série A
Sábado, 19 de novembro de 2005, 14h47  Atualizada às 16h16
Tevez evita status de "salvador" no Corinthians
 
Agência Lance
Tevez diz que gosta de partidas decisivas
Tevez diz que gosta de partidas decisivas
 Últimas de Série A
» Situação de Wágner Diniz preocupa CRB
» Liminha comandará Flamengo no início do Estadual
» Zagueiro Rodrigo desconhece oferta do Corinthians
» Palmeiras renova com goleiro Diego Cavalieri
Busca
Busque outras notícias no Terra:
O argentino Carlos Tevez, do Corinthians, disse não ser o "salvador" da equipe para o jogo decisivo contra o Internacional, neste domingo, no Pacaembu.

O camisa dez esteve ausente da equipe alvinegra nas duas últimas partidas do Campeonato Brasileiro e acompanhou a vantagem para o Inter cair para apenas três pontos.

"Não me sinto o salvador de ninguém, e sim mais uma peça importante no esquema", disse Tevez, após treino realizado no Pacaembu.

"Temos de jogar tranqüilos, mas com o coração. Não podemos afrouxar. Não adianta falar (que vai ser campeão) e não fazer nada na hora do jogo. O Inter tem uma equipe muito boa, que também pode conquistar o título", completou.

Artilheiro do Corinthians, com 18 gols, Tevez chegou a ficar ameaçado de não disputar esta partida.

O argentino sofreu uma forte pancada no joelho contra a Inglaterra, no último sábado, e atuou por apenas alguns minutos no amistoso diante do Catar, na quarta.

"Estou cansado, não consegui me recuperar ainda, mas até amanhã (domingo) espero estar bem. Gosto de jogar partidas decisivas", comentou.

Tevez não quis comentar as confusões no vestiário do Anacleto Campanella, na última quarta-feira, na derrota por 1 a 0 para o São Caetano.

"Acho que está tudo normal. Não vi ninguém mal. Acho que, se aconteceu alguma coisa, tudo já foi superado", concluiu.

Com Lancepress!
 

Redação Terra