Boletim

 Fale conosco
Série A
Domingo, 3 de setembro de 2006, 20h06  Atualizada às 22h55
Corinthians bate Ponte e deixa zona de rebaixamento
 
Reinaldo Marques/Terra
Corinthians, de Carlos Alberto, deixa zona de rebaixamento
Corinthians, de Carlos Alberto, deixa zona de rebaixamento
 Últimas de Série A
» São Paulo contrata meia Hugo, diz jornal
» Internautas põem cinco são-paulinos na seleção do Brasileiro
» Artilheiro Souza afirma que quer sair do Goiás
» Internautas elegem Renato, do Fla, o melhor do Brasileiro
Busca
Busque outras notícias no Terra:
O Corinthians derrotou a Ponte Preta, neste domingo, no Pacaembu, e deixou a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Com um gol de pênalti de Marcelo Mattos, o time do Parque São Jorge levou a melhor por 1 a 0.

Veja reportagem em vídeo
Veja fotos da partida
Veja a classificação
Confira os artilheiros
Veja o site do Brasileiro 2006

Com o resultado, a equipe dirigida por Emerson Leão passou a somar 26 pontos e subiu para a 15ª colocação do Nacional. Já a formação campineira estacionou nos 24, caiu para 18º e seguiu no grupo dos últimos colocados.

Superior ao longo dos 90 minutos, o Corinthians só chegou ao gol da vitória em pênalti apontado pelo árbitro Sálvio Spínola Fagundes. A infração de Luís Carlos em Rubens Júnior foi duvidosa, mas a cobrança de Marcelo Mattos, aos 20min do segundo tempo, foi bem feita.

Nos minutos finais, o triunfo ganhou o contorno de dramaticidade que a torcida alvinegra tanto gosta. Já nos acréscimos, Marcelo salvou gol certo em cabeçada de Thiago Carpini. No rebote, Carpini chutou rasteiro, e Betão, em cima da linha, salvou o time da casa do empate.

As duas equipes voltam a campo, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro, no próximo final de semana. Às 16h (de Brasília) de sábado, a Ponte Preta recebe o Santa Cruz em busca da reabilitação. Domingo é dia de São Paulo x Corinthians, às 16h, no Morumbi.

Ficha Técnica
Corinthians 1 x 0 Ponte Preta
Equipes
Marcelo
Eduardo
Marinho
Betão
Rubens Júnior
Rafael
Marcelo Mattos
Rosinei
(Renato)
Roger
(Paulo Almeida)
Carlos Alberto
(Ramon)
Rafael Moura

Técnico:
Emerson Leão

Jean
Rafael Santos
Luís Carlos
(Jean Carlos)
Régis
Nei
Thiago Carpini
Almir
Fábio Baiano
(Émerson)
Wellington
Vélber
Tuto
(Luís Mário)

Técnico:
Marco Aurélio

Gols

20min - 2° tempo
Marcelo Mattos

 
Cartões Amarelos
Eduardo
Roger
Paulo Almeida
Rafael Santos
Luís Carlos
Fábio Baiano

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)

Árbitro: Sálvio Espínola Fagundes Filho (SP)

 
Redação Terra