Boletim

 Fale conosco
Série A
Domingo, 3 de dezembro de 2006, 17h55  Atualizada às 20h19
Paraná empata com São Paulo e está na Libertadores
 
Jonathan Campos/Gazeta do Povo/Futura Press
Time do Paraná festejou muito a vaga na Libertadores
Time do Paraná festejou muito a vaga na Libertadores
 Últimas de Série A
» São Paulo contrata meia Hugo, diz jornal
» Internautas põem cinco são-paulinos na seleção do Brasileiro
» Artilheiro Souza afirma que quer sair do Goiás
» Internautas elegem Renato, do Fla, o melhor do Brasileiro
Busca
Busque outras notícias no Terra:
O Paraná Clube ficou no empate por 0 a 0 com o São Paulo, em Curitiba, e conseguiu sacramentar a vaga para a Copa Libertadores de 2007. O time paranista foi beneficiado pelo empate entre Vasco e Figueirense, que impediu a equipe carioca de tomar a quinta posição da tabela.

Torcedor invade gramado
Veja fotos da rodada
Escolha a Seleção do Brasileiro
Confira a classificação
Veja os artilheiros
Veja o site do Brasileiro 2006

A equipe tricolor paranaense encerrou a sua participação na quinta posição, com 60 pontos. Já o São Paulo, campeão brasileiro com três rodadas de antecedência, se despediu do torneio com 78 pontos ganhos.

Precisando da vitória para garantir a vaga, o Paraná Clube partiu para o ataque e assustou a equipe são-paulina, que jogou com praticamente toda a equipe reserva. Aos 17min, linda enfiada de bola para Sandro, mas Bosco saiu arrojado nos pés do atacante para fazer a defesa.

O time paranista chegou novamente com perigo aos 26min. Cristiano girou na entrada da área e chutou forte de esquerda. A bola subiu demais e saiu.

Dois minutos depois, Edmílson cobrou falta com força de perna esquerda e a bola passou raspando a trave de Bosco.

O São Paulo chegou pela primeira vez com mais perigo na partida aos 37min. Thiago cobrou falta perigosa com categoria, mas Flávio voou para espalmar bonito.

O campeão brasileiro se entusiasmou e chegou novamente dois minutos depois. Alex Dias fez linda jogada e lançou Rodrigo Fabri, que cruzou. Flávio mergulhou e fez boa defesa.

Logo no começo do segundo tempo, o São Paulo ficou em desvantagem numérica. Rodrigo Fabri colocou a mão na bola e acabou expulso pelo juiz Alício Pena Júnior.

A expulsão entusiasmou o Paraná Clube que saiu para o ataque. Aos 19min, Edmílson cobrou falta de longe, rasteira, fácil para a defesa de Bosco. Aos 30min Joelson chutou forte, por cima do gol de Bosco.

A última chance do time do Paraná aconteceu aos 47min. Joelson fez boa jogada pela esquerda e chutou forte. A bola pegou na defesa. Mesmo com o empate sem gols, a torcida paranista fez uma tremenda festa pela conquista da inédita vaga na Libertadores.

Ficha Técnica
Paraná 0 x 0 São Paulo
Equipes

Flávio
Peter
João Paulo
Edmílson
Eltinho
(Gerson)
Pierre
Batista
(Henrique)
Beto
Sandro
Cristiano
(Joelson)
Leonardo


Técnico:
Caio Júnior

Bosco
Alex Silva
André Dias
Edcarlos
Souza
Ramalho
Richarlyson
Rodrigo Fabri
Lúcio
Alex Dias
(Edgar)
Thiago
(Allan)



Técnico:
Muricy Ramalho

Cartões Amarelos
Edmílson
Leonardo
Alex Silva
Ramalho
Cartões Vermelhos
  Rodrigo Fabri
Local: Estádio Durival Brito, em Curitiba (PR)
Árbitro: Alício Pena Júnior (MG)
Público e Renda: 16.172 pagantes/ R$ 241.030,00

 
Redação Terra