Boletim

 Fale conosco
Série A
Domingo, 3 de dezembro de 2006, 19h31 
Renato chora por não se classificar para a Libertadores
 
 Últimas de Série A
» São Paulo contrata meia Hugo, diz jornal
» Internautas põem cinco são-paulinos na seleção do Brasileiro
» Artilheiro Souza afirma que quer sair do Goiás
» Internautas elegem Renato, do Fla, o melhor do Brasileiro
Busca
Busque outras notícias no Terra:
O técnico Renato Gaúcho prometeu que o time do Vasco se classificaria para a Libertadores. Após o empate contra o Figueirense por 0 a 0, o time não alcançou o seu objetivo. Abalado com a perda da sonhada vaga na competição, Renato não resistiu, chorou durante a entrevista coletiva após o jogo, e não conseguiu terminar de responder aos repórteres.

"Infelizmente, a bola não entrou. Brigamos, lutamos, mas hoje não deu. Tivemos a bola do jogo aos 46min, mas ela não queria entrar. O meu grupo merece o melhor, eles lutaram, brigaram e respeitaram o adversário. Mas infelizmente, não deu", lamentou o treinador.

Quando perguntado se o time provou ter qualidades e se calou a boca dos críticos, Renato se emocionou.

"O meu grupo não precisa provar nada para ninguém. Não agradamos a todo mundo, mas isso não é importante. Buscamos a vaga na Libertadores, mas não deu", disse, não conseguindo continuar a entrevista, chorando muito.
 

EFE

Agência EFE - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agência EFE S/A.