Boletim

 Fale conosco
Série A
Domingo, 23 de abril de 2006, 20h14 
Bittencourt estréia, e Fortaleza vence São Paulo
 
 Últimas de Série A
» São Paulo contrata meia Hugo, diz jornal
» Internautas põem cinco são-paulinos na seleção do Brasileiro
» Artilheiro Souza afirma que quer sair do Goiás
» Internautas elegem Renato, do Fla, o melhor do Brasileiro
Busca
Busque outras notícias no Terra:
Na estréia do técnico Márcio Bittencourt, o Fortaleza se recuperou no Campeonato Brasileiro e venceu o São Paulo por 1 a 0, em jogo válido pela segunda rodada do torneio, neste domingo.

Confira a classificação
Veja o site especial Brasileiro 2006

Além de quebrar a curta invencibilidade paulista no Nacional, o time nordestino também conseguiu furar a defesa são-paulina, que não sofria gols há quatro jogos.

O São Paulo jogou com oito reservas, poupando seus jogadores para o principal jogo da semana, quando enfrenta o Palmeiras pela Copa Libertadores, em partida válida pelas oitavas-de-final do torneio.

Com a vitória, a equipe cearense chegou aos três primeiro pontos e assume a 12ª colocação. Já o São Paulo permanece com a mesma pontuação e na 13ª posição.

Na próxima rodada, o time paulista recebe o Santa Cruz no Morumbi e o Fortaleza pega, também em casa, o São Caetano. Os dois jogos estão marcados para o sábado.

Contando apenas com os titulares Rogério Ceni, Lugano, Fabão na partida, a equipe do São Paulo não mostrou muita inspiração contra o Fortaleza.

Atuando em um Castelão lotado, o time nordestino mostrou-se muito mais disposto na primeira etapa, ameaçando principalmente nos contra-ataques. Mas foi em uma cobrança de falta que o Fortaleza deu seu primeiro susto.

Aos 16min, Bechara cobrou falta com categoria, Rogério Ceni se jogou, mas não achou nada. A bola acabou saindo por muito pouco.

Apenas quatro minutos depois, o time do Ceará abriu o placar. Em novo contra-ataque, após cruzamento para Finazzi, o atacante, quase sem ângulo, cabeceou para o chão. A bola saiu cruzada, pegou Rogério Ceni no contrapé e entrou.

Aos 27min, Rabicó chutou forte, de fora da área, e Rogério Ceni espalmou com dificuldade. Dois minutos depois, Ivan chutou mais uma de longe, e o goleiro são-paulino fez mais uma bela defesa.

Preocupado com o mau rendimento de seu ataque, Muricy dava seguidas broncas na beira do campo. E, aos 33min, o time paulista teve sua melhor chance. Depois de cruzamento na cabeça de Lima, o atacante cabeceou com estilo e a bola bateu no travessão. No rebote, Maizena colocou pela linha de fundo.

Na volta para o segundo tempo, o São Paulo deu mais um susto na torcida do Fortaleza. Rogério Ceni cobrou falta com categoria, Maizena subiu muito e espalmou para escanteio.

Melhor em campo, a equipe do Morumbi chegou a empatar a partida aos 11min. Após jogada do ataque do São Paulo, Alex Dias chutou forte e Maizena espalmou. Na sobra, Ramalho escorou de cabeça, mas o gol foi anulado por impedimento do volante.

Disposto a frear o ímpeto são-paulino, o Fortaleza foi ao ataque. Em boa jogada pela direira, Finazzi recebeu dentro da área, girou bonito, mas chutou mal, de perna esquerda, para longe do gol.

Em seguida, em novo chute perigoso de Bechara, a bola desviou na defesa e quase enganou Rogério Ceni, que ficou vendido no lance.

Aos 34min, a torcida do Fortaleza deu um sinal de mau comportamento. Com quase 20 mil pessoas no estádio, um sinalizador foi jogado no campo e atingiu a cabeça de Mazinho Lima, que sofreu uma pequena queimadura na testa.

O São Paulo ainda tentou a última cartada com a entrada de Rodrigo Fabri, no lugar de Edcarlos, mas não conseguiu empatar, sofrendo sua primeira derrota no Brasileiro.

Ficha Técnica
Fortaleza 1 x 0 São Paulo
Equipes
Maizena
Ivan
Alan
Glauber
Rabicó
Dude
Bechara
(Válter)
Igor
(Chicão)
Mazinho Lima
Rinaldo
(Teles)
Finazzi
Técnico:
Márcio Bittencourt

Rogério Ceni
Fabão
Lugano
Edcarlos
(Rodrigo Fabri)
Leandro
Denílson
(Alê)
Ramalho
Lenilson
Fábio Santos
Lima
(Aloísio)
Alex Dias
Técnico:
Muricy Ramalho

Gols

20min - 1° tempo
Finazzi

 
Cartões Amarelos
Rabicó
Dude
Fabão
Leandro
Cartões Vermelhos
   
Local: Estádio Castelão, em Fortaleza (CE)
Árbitro: Willian Souza Neri (RJ)
Público e Renda: 19.751 pagantes

 
Redação Terra