Série A

Série A

Sábado, 2 de junho de 2007, 20h07 

Botafogo bate reservas do Grêmio e assume liderança

Agência Lance

Botafogo foi a 10 pontos ganhos com a vitória diante do Grêmio
Busca
Saiba mais na Internet sobre:
Busque outras notícias no Terra:

Jogando contra os reservas do Grêmio, o Botafogo derrotou o time gaúcho por 3 a 0, neste sábado, no Maracanã, no Rio de Janeiro, e assumiu a liderança provisória do Campeonato Brasileiro. Os gols da equipe foram marcados por Juninho, Luciano Almeida e Dodô.

» Botafogo vence Grêmio
» Veja fotos da rodada
» Confira a tabela
» Veja a classificação
» Confira os artilheiros
» Comente o resultado

» Veja as últimas do Botafogo
» Veja as últimas do Grêmio

O Botafogo realiza uma boa campanha no Brasileiro. Com a vitória deste sábado, o time foi a 10 pontos na tabela de classificação. Já o Grêmio estacionou nos seis pontos ganhos com o resultado.

Poupando oito titulares para o confronto da próxima quarta-feira, diante do Santos, na Vila Belmiro, pelas semifinais da Libertadores, o Grêmio sofreu com a falta de entrosamento durante o jogo.

Já o Botafogo dominou as ações do jogo desde o início. Aos 5min do primeiro tempo, o time alvinegro quase abriu o placar com Lucio Flavio. O meia recebeu livre na área, mas se enrolou no domínio e perdeu a chance.

A situação do Grêmio na partida piorou aos 17min, quando Tuta sentiu uma contusão na coxa foi substituído por Douglas, deixando a torcida gaúcha temerosa em relação à escalação diante do Santos.

No minuto seguinte o Botafogo abriu o placar. Juninho chutou de primeira, da intermediária, e acertou o ângulo superior esquerdo do goleiro argentino Saja, anotando um golaço no Maracanã.

O Grêmio teve a chance de empatar o jogo aos 38min, após Douglas ser derrubado por Júlio César dentro da área. O goleiro alvinegro teve que receber atendimento médico após o lance.

Na cobrança do pênalti, Amoroso chutou no canto direito de Júlio César, que espalmou e evitou o empate. Após o lance, o goleiro pediu pra sair de campo, com tonturas por causa do lance do pênalti, e deu lugar a Max.

A etapa final veio e os dois times voltaram ao gramado do Maracanã sem modificações. Já o goleiro alvinegro Júlio César, ainda com tonturas, foi encaminhado pelos médicos do Botafogo para o hospital.

O ímpeto ofensivo da partida, porém, diminuiu na segunda etapa. O primeiro grande lance aconteceu aos 26min, pelo lado do Grêmio, quando Diego Souza cobrou falta com categoria e acertou o travessão da meta carioca.

Atrás no placar, o Grêmio viu sua tarefa ficar mais complicada aos 28min, quando o zagueiro argentino Schiavi cometeu falta violenta em Jorge Henrique e recebe o cartão vermelho direto.

Com um a mais em campo e em vantagem no placar, o Botafogo passou a administrar o jogo. O time ainda ampliou o marcador aos 34min, após Luciano Almeida cobrar falta e a bola desviar na barreira antes de entrar.

Aos 42min, Dodô recebeu passse de Jorge Henrique, driblou Saja e tocou para o gol, definindo a vitória do Botafogo. A zaga do Grêmio ainda tentou cortar o chute, mas em vão.

Botafogo e Grêmio voltam a jogar pelo Brasileiro no próximo sábado. Enquanto os cariocas enfrentam o Palmeiras, no Parque Antarctica, os gaúchos vão até São Januário encarar o Vasco.

Ficha Técnica
Botafogo 3 x 0 Grêmio
Equipes
Julio César
(Max)
Joílson
Renato Silva
(Asprilla)
Juninho
Luciano Almeida
Leandro Guerreiro
Túlio
Adriano Felício
Lúcio Flávio
(Diguinho)
Jorge Henrique
Dodô

Saja
Nunes
Schiavi
Pereira
Bruno Teles
Edmilson
Diego Souza
Lucas
(Willian Magrão)
Amoroso
Tuta
(Douglas)
Ramon
(Everton)
Técnico:
Cuca
Técnico:
Mano Menezes
Gols
1º T 18min - Juninho
 
2º T 34min - Luciano Almeida
42min - Dodô
 
Cartões amarelos
Asprilla
Juninho
Diego Souza
Cartões vermelhos
  Schiavi
Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Paulo César de Oliveira (SP)
Redação Terra