Série A

Série A

Quarta, 29 de agosto de 2007, 23h32  Atualizada às 08h28

São Paulo vence clássico e dispara no Brasileiro

Marcelo Pereira/Terra

São Paulo comemora gol da vitória contra o Palmeiras
Busca
Saiba mais na Internet sobre:
Busque outras notícias no Terra:

A equipe do São Paulo venceu o clássico paulista contra o Palmeiras por 1 a 0 no Parque Antarctica, nesta quarta-feira, em jogo válido pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro, a segunda do returno, e aumentou ainda mais a liderança no Nacional.

» Veja fotos da rodada
» Veja matéria em vídeo » Veja a classificação
» Confira os artilheiros
» Comente o resultado

Com os três pontos conquistados e o empate por 2 a 2 do Cruzeiro com o Paraná, o time tricolor chegou aos 47 e abre oito de vantagem para o clube mineiro, estabelecendo sua maior vantagem desde que assumiu o primeiro lugar.

O Palmeiras, que sofre sua sexta derrota na competição, permanece com 36 pontos e na quarta colocação, podendo cair até duas posições, caso Santos e Vasco vençam seus compromissos na quinta-feira.

Na próxima rodada, o Palmeiras deixa sua casa e vai até Minas Gerais, onde enfrenta o Cruzeiro no Mineirão, no domingo às 16h. Já o São Paulo atua no Estádio do Morumbi contra o Paraná, no sábado às 18h10.

O Palmeiras começou melhor a partida e teve boa chance logo aos 9min. Makelele recebeu livre na área pela direita, mas chutou em cima de Rogério. Na seqüência, Alex Silva colocou a bola pela lateral.

No lance mais bonito da partida, aos 14min, Valdívia se livrou de três adversários, driblou Richarlyson e bateu forte. A bola, entretanto, desviou em Breno e saiu por cima do gol de Ceni.

Aos 23min, o São Paulo teve sua primeira grande oportunidade. Souza cruzou para o meio da área, Aloísio matou a bola no peito e bateu de primeira para Diego fazer difícil defesa.

Momento antes de o Palmeiras perder Valdívia contundido, o clube do Morumbi abriu o placar. Jorge Wágner recebeu na área de Dagoberto e tabelou com Aloísio. O meia deu um belo toque por cima de Diego e abriu o placar.

No segundo tempo, aos 13min, os palmeirenses reclamaram de pênalti. Caio cobrou escanteio, Breno afastou de cabeça e a bola desviou no braço do zagueiro.

No lance seguinte, o time da casa quase chegou ao empate. Depois de cruzamento da direita, Luiz Henrique, sozinho, cabeceou para o chão, mas Rogério Ceni fez firme defesa.

Aos 25min, o São Paulo ficou próximo de ampliar o placar. Hernanes tabelou com Aloísio e recebeu na grande área. O volante bateu cruzado e Diego salvou o Palmeiras de uma derrota maior.

Cinco minutos depois, em lance polêmico, após escanteio cobrado na primeira trave, Breno não afastou e Martinez cabeceou para a pequena área. Na seqüência, Nen cabeceou para o fundo do gol, mas o árbitro marcou impedimento do atacante Max, que havia participado da jogada, mantendo a queda palmeirense.

Ficha Técnica
Palmeiras 0 x 1 São Paulo
Equipes
Diego Cavalieri
Gustavo
Nen
Dininho
(Caio)
Wendel
Pierre
Makelele
(Max)
Martinez
Leandro
Valdívia
(Luiz Henrique)
Edmundo
Rogério Ceni
Alex Silva
(André Dias)
Breno
Miranda
Souza
Hernanes
Richarlyson
Leandro
Jorge Wágner
Dagoberto
(Hugo)
Aloísio
(Borges)
Técnico:
Caio Júnior
Técnico:
Muricy Ramalho
Gols
1ºT   39min - Jorge Wágner
2ºT    
Cartões amarelos
Pierre Alex Silva
Dagoberto
Aloísio
Leandro
Local: Estádio Parque Antarctica, em São Paulo (SP)
Árbitro: Djalma José Beltrami (RJ)
Público e renda: 16.124 pagantes
Redação Terra