Série A

Série A

Segunda, 3 de dezembro de 2007, 14h11  Atualizada às 14h17

Mano: só negocio se Corinthians não tiver técnico

Reuters

Mano diz que Série B não o impediria de negociar com Corinthians
Busca
Saiba mais na Internet sobre:
Busque outras notícias no Terra:

Apontado como uma das opções para o cargo de técnico do Corinthians para a próxima temporada, Mano Menezes avisou que só negocia quando o clube interessado estiver sem treinador. Oficialmente, o time paulista segue com Nelsinho Baptista no comando mesmo após o rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro.

» Veja as fotos da partida
» Queda para a Série B fecha ano trágico do Corinthians
» Em protesto, torcedor
culpa Alberto Dualib

» Corinthians deve ter
desmanche em 2008

"Não abrimos negociação com nenhum clube, até pelo envolvimento entre os jogos. Não seria correto. Além disso, o Corinthians tem um técnico. Só negocio com uma equipe se ela oficializar a saída do treinador", disse em entrevista à rádio Jovem Pan.

No entanto, Mano ressaltou que não vê problemas em dirigir um time na Série B. "Quando um técnico não está trabalhando, ele analisa todas as situações e quer fazer um grande trabalho. É possível fazer um bom trabalho na 1º ou na 2ª divisão. Se o Corinthians me procurar, vou analisar e comparar com minha outras opções", explicou.

O treinador, que deixou o Grêmio após o Campeonato Brasileiro, foi avisado sobre o possível interesse do Corinthians, mas mantém a cautela quando à procedência.

"Neste período existem muitas sondagens, que são feitas por pessoas que se dizem ligadas aos clubes. Comigo, diretamente, não foi feito nenhum contato do Corinthians. Mas pessoas ligadas a mim receberam algumas sondagens", disse.

Para finalizar, Mano Menezes confirmou que tem uma proposta da Arábia Saudita, mas disse que sua intenção é permanecer no Brasil. Além de Corinthians, especula-se que Palmeiras e Santos poderiam contratar o treinador.

Redação Terra