Série A

Série A

Segunda, 3 de dezembro de 2007, 16h44 

Presidente do Corinthians se decepciona com Inter e Nery

Reinaldo Marques/Terra

Dirigente lamentou a ausência de Gustavo Nery nos jogos decisivos
Busca
Saiba mais na Internet sobre:
Busque outras notícias no Terra:

O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, acusou "dois ou três jogadores do Internacional" de não se esforçarem na partida do último domingo, contra o Goiás. A vitória por 2 a 1 do time alviverde sobre o colorado foi decisiva no rebaixamento do alvinegro.

» Veja as fotos
» Assita ao vídeo
» Piadas e pedras marcam dia
» Queda fecha ano trágico

"Você pode jogar com mais vontade ou menos vontade. Não vou ser leviano e dizer que entregaram o jogo, mas tem alguns jogadores do Inter que não queremos ver nem perto do Parque São Jorge", afirmou o dirigente da agremiação paulista.

Sanchez disse ter ouvido conversas sobre a postura do Internacional diante do Goiás, no Serra Dourada. Segundo ele, o vídeo da partida comprovou os depoimentos. "Futebol é fácil. É só assistir ao jogo para ver o que aconteceu."

Para o presidente do Corinthians, o desapontamento não ficou restrito aos jogadores do Internacional. Ele explicou sua reação diante do fato de que, mais uma vez, o lateral-esquerdo Gustavo Nery não participou de partidas decisivas: "fiquei decepcionado".

Por fim, Andrés Sanchez disse ter ficado lisonjeado com a importância dada ao Corinthians pelos demais clubes. Segundo ele, a atitude das torcidas na última rodada do Campeonato Brasileiro deixou clara a grandeza do time do Parque São Jorge.

"Se tem um clube que não torce para os outros, é o Corinthians. Vi a torcida do Grêmio comemorar muito mais o gol do Goiás do que o do Grêmio. A do Palmeiras vibrou mais com o gol do Grêmio do que com o seu", concluiu o dirigente.

Redação Terra