Série A

Série A

Segunda, 3 de dezembro de 2007, 17h17 

Série A vai chorar ausência corintiana, diz Andrés

Reinaldo Marques/Terra

Corinthians será "totalmente independente", promete presidente
Busca
Saiba mais na Internet sobre:
Busque outras notícias no Terra:

A popularidade do Corinthians fará falta à primeira divisão do Campeonato Brasileiro em 2008. Essa é a previsão do presidente do clube, para quem seu rebaixamento fortalecerá a Série B e diminuirá as receitas das agremiações da elite.

"Vai mudar bastante. A Série B vai crescer muito, e muitos times da Série A vão chorar muito", resumiu o dirigente. Ele já havia anunciado um clube "totalmente independente" no vestiário do Estádio Olímpico, palco do rebaixamento.

A postura será observada, por exemplo, nas negociações por cotas de televisão. "O Corinthians vai ser ouvido e respeitado, como sempre deveria ter sido. Temos 50% mais exposição que o segundo colocado, e não é só na hora da dor."

Revoltado, entre outros fatores, com a postura de alguns jogadores do Internacional na partida contra o Goiás, o presidente prometeu empenho na luta pelos direitos do clube alvinegro. A atitude, segundo ele, será diferente da adotada pela diretoria anterior.

"É lógico que vamos respeitar todas as instituições. Não sou um homem de romper, mas sou um homem de negociar, empreendedor. É todo o mundo contra nós, então vamos tocar sozinhos", disse Andrés Sanchez.

Redação Terra