0

C13 pede aval do conselho do Corinthians para aceitar saída

24 fev 2011
20h12
atualizado em 24/3/2011 às 14h08

A saída do Corinthians do Clube dos 13 não deve ser das mais fáceis, pelo que depender da entidade. Em comunicado assinado pelo presidente Fábio Koff emitido nesta quinta-feira, a organização indica que o desligamento da agremiação alvinegra só poderá ocorrer com comprovação da aprovação do Conselho Deliberativo do clube, elemento que o presidente Andrés Sanchez não tem.

Na nota, o Clube dos 13 também avisou que considerará a saída do Corinthians somente daqui a 60 dias, uma vez que o estatuto da organização prevê aviso prévio de dois meses antes do desligamento. Além disso, a entidade pede cópia do estatuto corintiano, que indica que a agremiação só poderá deixar com o aval do Conselho Deliberativo.

O clima entre Corinthians e Clube dos 13 promoveu provocações por ambos os lados. Nesta quinta, em entrevista coletiva, Andrés alfinetou Fábio Koff e afirmou que o clube não se posicionou completamente. "Não estamos acertados com ninguém como dizem. O Corinthians está tomando uma posição. E quero aproveitar e agradecer ao Koff pelo 'moleque', me sinto elogiado por ser mais jovem com ele", disse.

Confira a seguir o comunicado na íntegra:

Ofício nº 035/11
São Paulo, 24 de fevereiro de 2011
Ao Sport Club Corinthians Paulista
Att. Presidente Andrés Navarro Sanchez
Rua São Jorge, nº 777, Parque São Jorge, São Paulo/SP, CEP 03087-000
Ref.: Confirmação de recebimento de aviso de desligamento
Senhor Presidente,

Por meio desta, acusamos oficialmente o recebimento da missiva datada de 23.02.2011 e encaminhada na mesma data, via fac-símile, à União dos Grandes Clubes Brasileiros, na qual V.S.a., após manifestar algumas proposições unilaterais, que não serão objeto de resposta nessa oportunidade, comunicou a intenção de o Sport Club Corinthians Paulista se desligar do Clube dos 13.

Diante da referida comunicação, cabe-nos alertar que o artigo 12 do vigente Estatuto desta entidade, prevê que a qualidade de associado cessará, dentre outras hipóteses: "através de um pedido devidamente formalizado, com notificação prévia de sessenta dias, desde que aprovado pelo Conselho Deliberativo do associado se assim estiver previsto no respectivo estatuto".

Dessa forma, em respeito à manifestação firmada livremente pelo Sport Club Corinthians Paulista, na pessoa do seu Presidente, em 23.02.2011, informamos que o período de 60 (sessenta) dias será contado a partir desta data e se encerrará em 24.02.2011, data na qual o Corinthians poderá, se desejar, formalizar definitivamente seu desligamento do Clube dos 13, tudo conforme previsto no Estatuto vigente.

Com efeito, durante esses 60 (sessenta) dias, fica preservada a condição do Sport Club Corinthians Paulista como associado fundador do Clube dos 13, restando mantidas, por conseguinte, todas as suas obrigações, direitos e deveres decorrentes de tal condição.

Outrossim, caso deseje ratificar a cessação da sua condição de associado a partir de 24.02.2011, deverá apresentar cópia do vigente Estatuto do Sport Club Corinthians Paulista e, em caso de previsão estatutária, deverá, ainda, comprovar a aprovação do seu pedido de desligamento pelo seu Conselho Deliberativo, tudo na forma do referido artigo 12, letra "a" do Estatuto do Clube dos 13.

Por fim, em respeito ao art.13, § 2º do Estatuto do Clube dos 13, informamos que "a cessação da qualidade de associado não o exime do dever de quitar compromissos anteriormente assumidos", em especial àqueles relacionados aos empréstimos e garantias prestadas por esta Associação em favor do Sport Club Corinthians Paulista.

Sem mais para o momento, subscrevemo-nos.

Atenciosamente,
Fábio André Koff
Presidente

Corinthians de Andrés Sanchez tenta deixar o Clube dos 13
Corinthians de Andrés Sanchez tenta deixar o Clube dos 13
Foto: Fernando Borges / Terra
Fonte: Terra

compartilhe

publicidade
publicidade