0

Chelsea humilha Arsenal, Liverpool e City também goleiam

22 mar 2014
16h11
atualizado às 16h13

O Liverpool (2º) e o Manchester City (3º) seguem na cola do Chelsea, que mais cedo goleou o Arsenal (4º) por 6-0, e derrotaram respectivamente Cardiff (6-3) e Fulham (5-0), neste sábado pela 31ª rodada do Campeonato Inglês.

Com estes resultados, o Chelsea segue na ponta da tabela com 69 pontos. O Liverpool é o segundo com 65 e uma partida a menos, enquanto o City é terceiro com 63 e três jogos a menos que o líder.

Os 'Citizens' são, na verdade, os virtuais líderes da Premier League, já que superariam os 'Blues' com duas vitórias e um empate nestas partidas.

O Arsenal, quarto colocado com 62 pontos, acabou jogando fora uma boa chance de se aproximar do líder, sendo goleado por 6-0 em Stamford Bridge na milésima partida do técnico francês Arsène Wenger no comando dos 'Gunners'.

O Arsenal jogou 75 minutos em desvantagem numérica, após a expulsão equivocada de Kieran Gibbs (o árbitro o confundiu com Alex Oxlade-Chamberlain, que colocou a mão na bola dentro da área), mas o placar já apontava 2-0 para os 'Blues' a esta altura da partida (3-0 depois do pênalti).

O camaronês Samuel Eto'o abriu o placar logo com 5 minutos de jogo e o alemão André Schurrle ampliou aos 7.

Os dois gols foram construídos a partir de roubadas de bola no meio de campo que se transformaram em contra-ataques rápidos do Chelsea.

O belga Eden Hazard fez o terceiro, cobrando o pênalti que terminou na expulsão de Kieran Gibbs, aos 17.

O brasileiro Oscar, com dois gols, aos 42 do primeiro tempo e aos 21 do segundo, e o egípcio Mohamed Salah, aos 26, fecharam a goleada para a equipe do português José Mourinho.

"Esta derrota é minha culpa. Assumo total responsabilidade pelo que aconteceu", declarou Wenger. "Não acho que seja necessário ficar repetindo os erros que cometemos. Eles nos destruíram", completou.

Já Mourinho foi contundente. "Com 2 a 0 aos sete minutos de jogo, a partida já tinha acabado. Fomos fortes demais".

Mais tarde, o uruguaio Luiz Suárez foi novamente o grande destaque do Liverpool, deste vez contra o Cardiff. O atacante marcou aos 16 minutos de jogo, aos 15 do segundo tempo e nos acréscimos para os 'Reds', que contaram também com dois gols do eslovaco Martin Skrtel (41, 54) e outro de Daniel Sturridge (75).

Para o Cardiff, penúltimo da tabela, marcaram Jordan Mutch (9 e 88) e Froizer Campbell (25).

O Liverpool, única equipe invicta em 2014, vem em grande fase na reta final da Premier League, competição que não conquista há 24 anos.

Com os três gols deste sábado, Suárez se isolou ainda mais na artilharia do campeonato com 28 gols, enquanto o companheiro de ataque, Sturridge, é o segundo com 19.

O Manchester City, sem poder contar com o argentino Sergio Aguero, lesionado, também goleou neste sábado, metendo 5 a 0 no lanterninha Fulham.

O marfinense Yaya Touré, destaque da equipe no ano, foi o autor de três gols (25, 54 e 65 minutos), dois em cobrança de pênaltis, e o brasileiro Fernandinho (84) e o argentino Martín Demichelis (88) fecharam a conta.

Na briga por uma vaga nas competições europeias da próxima temporada, o Everton (5º) venceu por 3 a 2 o Swansea (15º).

Em outras partidas deste sábado, o Norwich City (13º) venceu por 2 a 0 o Sunderland (18º), o Newcastle (8º) derrotou por 1 a 0 o Crystal Palace (17º) e o Hull (12º) passou pelo West Bromwich (16º) por 2 a 0.

A 31ª rodada continua neste sábado com a disputa entre o West Ham (14º) e o Manchester United (7º).

Resultados da 31ª rodada do Campeonato Inglês

7. Manchester United 48 29 14 6 9 46 34 12

16. West Bromwich 28 30 5 13 12 33 45 -12

17. Crystal Palace 28 30 8 4 18 19 39 -20

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade