0

Cidades confirmam eventos-teste nos estádios da Copa das Confederações

13 mar 2013
20h16
atualizado às 20h26

A Fifa e o Comitê Organizador da Copa do Mundo de 2014 (COL), divulgaram nesta quarta-feira o calendário oficial de eventos-teste nos seis estádios selecionados para a Copa das Confederações deste ano.

Serão seis jogos em que haverá atuação e monitoramento do COL e da Fifa nas sedes do torneio, que acontece de 15 a 30 de junho.

"A oportunidade servirá para testar alguns elementos das operações do COL nos estádios durante cada uma das seis partidas", disseram os organizadores da competição em nota.

Segundo um porta-voz do COL, nada impede que as cidades-sede da Copa das Confederações possam fazer outros eventos-teste fora desse calendário oficial.

O primeiro teste da lista apresentada pelas cidades acontecerá na arena de Fortaleza, que já está pronta. O jogo vai envolver o clássico local entre Fortaleza e Ceará, no dia 14 de abril.

No dia 24 de abril, o amistoso entre Brasil e Chile será um evento-teste no Mineirão. A arena foi inaugurada dentro do prazo, em dezembro, e vem recebendo outros eventos como jogos do Campeonato Mineiro e até um show do cantor Elton John.

"Tudo isso vale como teste. Não podemos negar que o quanto antes estiver pronto o estádio, melhor para as observações... Mineirão e Fortaleza largaram na frente, mas há tempo hábil para fazer os demais testes com tranquilidade", disse à Reuters um porta voz do COL.

Outro clássico regional, entre Bahia e Vitória, será usado como campo de observação das entidades no dia 28 de abril, em Salvador.

Em Recife, o evento-teste selecionado ocorrerá em 22 de maio, com um jogo da Copa da Brasil entre o Náutico e um adversário a ser definido.

No dia 25 de maio, o jogo de abertura do Campeonato Brasileiro entre Flamengo e Santos será realizado no estádio de Brasília, que vai abrir a Copa das Confederações.

O Maracanã, estádio mais atrasado na finalização de suas obras, será palco do evento teste oficial com o amistoso entre Brasil e Inglaterra, no 2 de junho, 13 dias antes da abertura da Copa das Confederações. A arena carioca é sede da final.

Nesses jogos, pela primeira vez, a segurança interna e externa das arenas será feita com segurança privada. As forças de segurança locais vão dar apoio e suporte ao evento.

(Por Rodrigo Viga Gaier)

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
publicidade