0

Com direito a "armeration", Colômbia vence Grécia em estreia

14 jun 2014
14h53
atualizado em 30/7/2018 às 09h48
  • separator
  • 0
  • comentários

 

Com apoio maciço da torcida presente no Mineirão, em Belo Horizonte, e gol do ex-jogador do Palmeiras, Pablo Armero, a Colômbia venceu a Grécia por 3 a 0 na tarde deste sábado e estreou bem na Copa do Mundo. Os sul-americanos dominaram e levaram a melhor, com direito à volta do “Armeration” na comemoração do primeiro gol.

<p>Armero abriu o placar para os colombianos e dançou para comemorar</p>
Armero abriu o placar para os colombianos e dançou para comemorar
Foto: AP

 

Veja como foi Colômbia x Grécia

“Armeration” é como ficou conhecida a comemoração esquisita de Pablo Armero em 2010, quando jogava no Palmeiras e participou da emocionante vitória por 4 a 3 sobre o Santos, na Vila Belmiro. De virada, o time alviverde surpreendeu a equipe de Neymar, que na época chamava a atenção por celebrar os gols com dancinhas. Enquanto o Rebolation, do grupo Parangolé, era o sucesso no País, Armero liderou a festa alviverde.

Em Belo Horizonte, a cena se repetiu depois de, logo aos 4min de jogo, ele abrir o placar para os colombianos em chute de perna direita. Com os companheiros na lateral de campo, Armero puxou coreografia que remeteu aos tempos de Palmeiras. Hoje, o jogador joga pelo West Ham, da Inglaterra.

O Grupo C da Copa da Copa do Mundo terá sua rodada completada ainda neste sábado, com o confronto entre Costa do Marfim e Japão, que acontece às 22h (de Brasília), na Arena Pernambuco, no Recife (PE). As equipes voltam a campo na quinta-feira. Colombianos e marfinenses jogam às 13h no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, enquanto que japoneses e gregos se enfrentam às 19h na Arena das Dunas, em Natal (RN).

 

Na estreia do Mineirão na Copa do Mundo, foram necessários apenas quatro minutos para a bola estufar as redes pela primeira vez em Belo Horizonte. Cuadrado fez boa jogada pela direita e rolou para trás, onde o ex-jogador do Palmeiras, Pablo Armero, bateu rasteiro e abriu o placar para a Colômbia. A comemoração, com danças e muita animação, levou os torcedores à loucura.

A partida então entrou em período de poucas emoções: houve muita movimentação, mas faltou eficiência ofensiva e criatividade. Os gregos romperam o marasmo e pressionaram a partir dos 27min: Torosidis quase empatou em cabeçada após cruzamento de Holebas. No lance seguinte, Samaras fintou Zapata e bateu para o gol, mas o goleiro Ospina conseguiu fazer a defesa em dois tempos.

 

<p>Colômbia estreou com vitória sobre a Grécia</p>
Colômbia estreou com vitória sobre a Grécia
Foto: Reuters

Antes do intervalo, os gregos ainda desperdiçaram uma oportunidade incrível, aos 44min. Kone pegou sobra do ataque e bateu colocado da intermediária, mas Ospina mais uma vez apareceu bem. A partida voltou mais interessante para o segundo tempo. Aos 12min, os colombianos aumentaram o placar. Aguilar desviou cruzamento na área e Gutierrez, de frente para o gol, empurrou para dentro.

 

Os gregos tentaram reagir novamente e desta vez chegaram mais perto. Aos 17min, Torosidis recebeu passe pela direita e tocou para o meio, onde Gekas, livre, cabeceou no travessão. Os colombianos, no entanto, mantiveram o domínio da partida e mataram o resultado nos acréscimos. Aos 48min, Rodríguez recebeu passe de calcanhar dentro da área e bateu rasteiro para fazer o terceiro e encerrar a festa colombiana.

FICHA TÉCNICA
COLÔMBIA 3 X 0 GRÉCIA

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 14 de junho de 2014, sábado
Horário: 13h (de Brasília)
Árbitro: Mark Geiger (EUA)
Assistentes: Mark Hurd (EUA) e Joe Fletcher (CAN)
Público: 57.174 pessoas
Cartões amarelos: (Colômbia) Sanches (Grécia) Papastathopoulos, Sapingidis
Gols:
Colômbia: Armero, aos 5min do primeiro tempo; Gutierrez, aos 12min e Rodriguez aos 47min do segundo tempo

COLÔMBIA: Ospina; Zapata, Yepes, Sanches e Armero (Arias); Zuniga, Aguilar (Mejia), James Rodriguez e Cuadrado; Ibarbo e Gutierrez (Martinez) 
Técnico: José Pékerman

GRÉCIA: Karnezis; Maniatis, Manolas, Kone (Karagounis) e Torosidis; Katsouranis, Papastathopoulos, Cholevas e Sapingidis (Fetfatzidis); Gekas (Mitroglou) e Samaras 
Técnico:  Fernando Santos

 

 

 

 

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade