2 eventos ao vivo

Com ou sem o tri, Sabella deixará seleção argentina após a Copa

11 jul 2014
14h17
atualizado às 16h23
  • separator

O representante de Alejandro Sabella, Eugenio López, confirmou nesta sexta-feira que o técnico da seleção argentina deixará o cargo após a final da Copa do Mundo, no próximo domingo, no Maracanã, independentemente da conquista do terceiro título da história do país.

"Tenho a certeza de que Alejandro não continuará na seleção. Ele sonhou com isto durante toda a vida, buscou e trabalhou nisso. Mas já deu à Argentina o que tinha que dar", declarou o agente.

Sabella já tinha expressado algumas vezes o desgaste que representa estar à frente da 'Albiceleste'. Inclusive, em entrevista prévia à Agência Efe, ele disse que não acha benéfico que um treinador permaneça por muito tempo no comando de uma seleção.

"Ele deu o que teve que dar na seleção e é momento de dar lugar a outro. Aconteça o que acontecer, ele não continuará", completou López.

Sabella assumiu a Argentina após o fracasso na Copa América de 2011, em que, mesmo jogando em casa, foi eliminada nas quartas de final pelo Uruguai, que viria a ser campeão. Ao todo, foram 40 partidas até agora, com 26 vitórias, dez empates e quatro derrotas, com 75 gols marcados e 31 sofridos.

Veja também:

Final do Paulistão e início do Brasileiro são os destaques do fim de semana
EFE   
publicidade