publicidade
23 de novembro de 2012 • 19h46 • atualizado em 28 de Novembro de 2012 às 14h41

Demissão de Mano causa preocupação em dirigentes do Grêmio

Mano Menezes recebeu a notícia da demissão nesta sexta-feira
Foto: AP
  • Direto de Porto Alegre
 

A demissão do técnico Mano Menezes do comando da Seleção Brasileira está causando preocupação na nova direção do Grêmio. O técnico Vanderlei Luxemburgo, que nesta semana acertou a renovação de contrato com o time tricolor gaúcho, é um dos cotados para retornar ao comando da equipe nacional, a qual treinou nos anos de 1998 até 2000, conquistando uma Copa América (1999).

» Confira os candidatos para assumir Seleção após queda de Mano

"Se eu disser que não me preocupo estarei mentindo. O Vanderlei Luxemburgo é um técnico de ponta e está sempre cotado para assumir a Seleção Brasileira. Estamos atentos às movimentações, o que importa no momento é que o Luxemburgo tem contrato renovado com o Grêmio, mas futebol tem destas coisas”, disse Rui Costa, executivo de futebol que vai assumir o cargo gremista na gestão Fábio Koff.

Em entrevista exclusiva concedida ao Terra no dia 10 de outubro, o técnico Vanderlei Luxemburgo respondeu sobre a possibilidade de voltar ao comando da Seleção. "Não é uma coisa que eu esteja trabalhando para isto e não direcionei mais a minha vida para a Seleção Brasileira. Um tempo atrás sim, até o Zagallo ficou bravo comigo porque eu disse que queria ser técnico da Seleção Brasileira, e em 1998 eu fui. Hoje sou um profissional preparado, a minha história mostra isto, para caso eu venha a ser convidado para treinar a Seleção eu possa ir e desenvolver um trabalho tranquilamente, mas não estou direcionado para isto”, disse Luxemburgo.

Cristiano Leonardo S. da Silva Jornalismo - Especial para o Terra