0

Eike Batista entra na briga para comprar complexo do Maracanã

27 jan 2012
19h12
atualizado em 28/1/2012 às 08h39

Um concorrente de peso confirmou nesta sexta-feira, em nota, que vai mesmo entrar na concorrência para assumir a gestão do complexo do Maracanã. É o empresário Eike Batista, dono da maior fortuna do País, a oitava do mundo.

Segundo o edital publicado pelo governo do Rio no dia 13 de janeiro, Eike, através da empresa EBX, tem até a próxima terça-feira para oficializar a presença na licitação.

O documento diz que os candidatos, que podem ser pessoas físicas ou jurídicas, precisarão passar por uma avaliação que vai determinar se eles têm condições de administrar o complexo, seguindo os pré-requisitos do governo.

Se for a escolhida, a empresa de Eike Batista vai tomar conta ainda do Maracanãzinho, do estádio Célio de Barros e do Parque Aquático Júlio Delamare, que fazem parte do complexo do estádio.

A Fifa ainda não definiu a data para a realização do jogo de abertura do Maracanã, em 2013. Por meio de nota, a entidade explicou que não há nenhuma programação sobre o assunto, reforçando a recomendação de que os estádios da Copa das Confederações sejam entregues em dezembro de 2012. A previsão é que o Maracanã fique pronto em fevereiro de 2013.

Eike Batista entrou na briga para comprar Estádio do Maracanã
Eike Batista entrou na briga para comprar Estádio do Maracanã
Foto: Felipe Panfil / AgNews
Fonte: Lancepress!

compartilhe

publicidade
publicidade