0

Fifa e COL estreitam ligações com organizadores da Copa em Salvador

12 set 2012
13h29
  • separator
Lucas Esteves
Direto de Salvador

Representantes da Fifa e do Comitê Organizador Local (COL) da Copa do Mundo de 2014 estiveram na manhã desta quarta-feira (12) em Salvador para estreitar as ligações com os entes estaduais e municipais que também trabalham nos preparativos para o evento. O encontro foi em um hotel da cidade e também nas obras da Arena Fonte Nova, que segue em ritmo acelerado de construção, com mais de 70% das intervenções concluídas.

Segundo o diretor do escritório da Fifa no Brasil, Fulvio Danilas, e o diretor executivo de operações do COL, Ricardo Trade, a visita às obras não se constitui em uma inspeção regular da entidade maior do futebol, mas apenas uma maneira de integrar os trabalhos entre as esferas federal, estadual e municipal, além do consórcio privado que ergue o estádio. Estiveram no encontro também os representantes do Governo do Estado e Prefeitura de Salvador, Ney Campelo e Leonel Leal, e outras autoridades locais.

Danilas e Trade visitam Salvador depois de já terem passado por Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e São Paulo. O próximo destino é Recife, para logo após encerrar o giro por Fortaleza, cumprindo o roteiro das futuras sedes da Copa das Confederações do ano que vem. Segundo eles, o trabalho de integração está parecido com todas as outras sedes, em que as duas entidades estreitam relações para cuidar de uma série de detalhes, como acessibilidade urbana, estruturação para os trabalhos de atletas, voluntários, dirigentes, jornalistas e outros envolvidos.

Um dos assuntos comentados foi a liberação ou não do primeiro trecho do metrô da capital, que tem apenas 6 km, e foi recentemente alvo de cobrança oficial da Fifa à sede baiana. Segundo o secretário estadual para assuntos da Copa do Mundo, Ney Campelo, o que acontecerá é uma "operação assistida" entre governo, Prefeitura e organização do evento para que o metrô seja disponibilizado durante os jogos para melhorar o acesso à arena.

"Faremos um estudo para saber a maneira definitiva, mas é isso que vai acontecer. Será uma operação assistida e, em dias de jogos, o metrô poderá ser usado. Mas há a possibilidade de ele ser liberado durante os outros dias também. Vai depender de uma série de estudos. Já esclarecemos a Fifa em relação ao que está acontecendo e tudo será operacionalizado em conjunto", esclareceu. Campelo, porém, adicionou também que o metrô trata-se de uma obra municipal e que a Prefeitura precisa viabilizá-lo.

Já Ricardo Trade revelou que está marcada para o final do mês de outubro a inspeção final da Fifa que confirmará ou não a Fonte Nova como sede da Copa das Confederações. Entretanto, ele disse confiar, de acordo com o andamento que conferiu no local, que a arena baiana será confirmada no evento. Segundo informações oficiais, com o atual trabalho de construção da cobertura do anel superior, as obras da Arena Fonte Nova alcançam mais de 70% de avanço.

Autoridades estiveram nas obras da Arena Fonte Nova, estádio de Salvador para a Copa
Autoridades estiveram nas obras da Arena Fonte Nova, estádio de Salvador para a Copa
Foto: Lucas Esteves / Especial para Terra

Veja também:

Final do Paulistão e início do Brasileiro são os destaques do fim de semana
Fonte: Especial para Terra
publicidade