0

Ministro cita Carnaval, rebate Fifa e mina preocupação por Copa

22 dez 2011
17h37
atualizado às 18h33

Os recentes alertas da Fifa sobre a organização da Copa do Mundo de 2014 refletiram nesta quinta-feira em Brasília, durante o discurso do Ministro do Esporte, Aldo Rebelo. Presente para divulgar o balanço de 2011 e também projetar medidas para o próximo ano, o político minimizou a preocupação da entidade máxima do futebol para com o Mundial e utilizou o Carnaval para sentenciar que o País estará pronto para o torneio.

"O Carnaval vai acontecer normalmente no Rio de Janeiro, com muito mais turistas do que teremos na Copa do Mundo. Em Salvador, o Carnaval também ocorrerá da mesma forma, com mais turistas do que na Copa. Teremos Recife, Olinda, o Galo da Madrugada...independentemente de qualquer coisa. É o País que organiza o maior campeonato de futebol do mundo, com a final da Série D recebendo 60 mil pessoas no Arruda", discursou, antes de se apegar a eventos esportivos realizados no Brasil para responder à Fifa.

"Corinthians x Palmeiras, Vasco x Flamengo, Inter x Grêmio, Cruzeiro x Atlético-MG, e ainda sim achamos que não podemos realizar a Copa. Sim, podemos. Vamos fazer uma bela Copa, as obras estão sendo preparadas para realizarmos a melhor. Teremos os melhores estádios para a Copa do Mundo, e estaríamos preparados se precisássemos realizar a Copa antes da data estipulada", afirmou.

No sábado, dia 17, véspera da decisão do Mundial de Clubes da Fifa e data da última reunião do Comitê Executivo de organização do ano, o presidente Josep Blatter e o secretário geral Jérome Valcke manifestaram preocupação com a realização do torneio, especialmente por conta do atraso nas obras de infraestrutura do País para abrigar o enorme número de turistas.

"Sim, o Comitê Executivo está preocupado, e não apenas com as obras. Em todas as Copas falam isso e no fim sempre estão prontas, agora vou assumir em alta esfera. Em janeiro ou fevereiro encontraremos com a presidente para resolver algumas questões", disse Blatter, que se reunirá com a presidente Dilma no início de 2012.

O secretário Jérome Valcke manteve a linha de pensamento. "Ainda estamos preocupados de não ter recebido, mas uma comissão disse que esse projeto será preparado nos próximos meses. Porém, nós estamos discutindo isso desde 2007. Está bem avançada (preparação). Mas ainda o transporte público, estradas e aeroportos não estão avançando muito", emendou o dirigente.

Aparentando grande tranquilidade ao ser pressionado com questionamentos sobre a Copa do Mundo, Rebelo valorizou a oportunidade brasileira em sediar o torneio e ressaltou o que foi feito até aqui, mesmo com as reclamações da entidade máxima do futebol, reiteradas há uma semana por Blatter no Japão.

"O governo está atento, acompanhando, buscando cumprir com os compromissos do sucesso da realização da Copa do Mundo, e de acordo com as necessidades da população. Serão adotados os compromissos assinados pelo Lula, e isso inclui também estádios. Só a cidade de São Paulo possui três que correspondem ao caderno de obrigações da Fifa: o Itaquerão, estádio da abertura; o Palestra Itália, da gloriosa Sociedade Esportiva Palmeiras; e o Morumbi, do sempre respeitadíssimo São Paulo", concluiu.

A construtora Odebrecht encerra 2011 com 22% das obras do novo estádio do Corinthians concluídas
A construtora Odebrecht encerra 2011 com 22% das obras do novo estádio do Corinthians concluídas
Foto: Aloísio Maurício / Terra
Fonte: Terra
publicidade