0

Por preparação, Daniel Alves exalta Copa das Confederações

18 fev 2013
09h31
atualizado às 11h34
  • separator
  • 0
  • comentários

Campeão da Copa das Confederações pela Seleção Brasileira, em 2009, e presente no elenco que sucumbiu diante da Holanda na Copa do Mundo, em 2010, o lateral direito Daniel Alves reconhece a pressão que a equipe verde e amarela enfrentará nos próximos anos. Em entrevista ao site da Federação Internacional de Futebol Associado (Fifa), o atleta do Barcelona destacou a necessidade do time comandado por Luiz Felipe Scolari estar bem preparado para os torneios que virão e cobrou experiência de seus companheiros.

<p>Daniel Alves cobrou experiência de seus companheiros de Seleção Brasileira</p>
Daniel Alves cobrou experiência de seus companheiros de Seleção Brasileira
Foto: Mowa Press / Divulgação

"Quem não está preparado, tem menos de seis meses pela frente. É necessário estar preparado. Tudo bem que temos jogadores jovens, mas eles contam com experiência e foram campeões com as suas equipes. Em minha opinião, a alegria que temos de poder jogar competições tão grandes no nosso País supera todas as outras dificuldades. A nossa alegria está acima de tudo", disse o atleta, lembrando a Copa das Confederações deste ano, que ocorre entre 15 e 30 de junho.

Em busca de aumentar o nível de competitividade da Seleção, o lateral acredita que o torneio disputado em território brasileiro neste ano servirá como base ao time. Apesar de ressaltar a seriedade com que os atletas comandados por Scolari encaram os amistosos, Daniel Alves afirmou que competições oficiais elevam a concentração dos jogadores e dão novo caráter ao time.

"Isso constrói a equipe: a dificuldade e a alegria de um campeonato servem para unir. Mas é assim, temos de conviver com isso. Inventar desculpas é coisa de perdedor. E na Seleção não temos perdedores, porque para estar aqui todos precisaram superar coisas muito importantes. Jogamos futebol, fazemos e desfrutamos de algo que amamos. Não existe pressão para quem trabalha com amor e alegria", completou.

<p>O Lateral direito Daniel Alves acredita que o torneio disputado em território brasileiro neste ano servirá como base ao time</p>
O Lateral direito Daniel Alves acredita que o torneio disputado em território brasileiro neste ano servirá como base ao time
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra

Atuando pelo Barcelona desde 2008, Daniel Alves se tornou presença constante na Seleção Brasileira e foi reserva de Maicon sob o comando de Dunga. Entretanto, com Mano Menezes, o jogador assumiu a titularidade e deixou o time apenas por lesão. Após o ex-treinador do Corinthians ser demitido em novembro de 2012 e Scolari assumir o Brasil, o lateral espera melhorar seu desempenho e conseguir bons resultados com o time nacional.

"Sempre que há mudanças, esperamos que sejam para melhor. No nosso caso, esperamos que sirva para encontrar um ponto de equilíbrio, para que voltem a nos respeitar como seleção pelos jogadores e pela história que temos. Quem foi escolhido foi o último campeão do mundo, e isso quer dizer muitíssimo. Exige respeito. Ganhar qualquer competição é difícil, ele conseguiu, e tomara que venha para contribuir com esse ponto de equilíbrio que talvez nos tenha faltado", encerrou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade