0

Copa América no Brasil pode ser adiada para 2019, diz ministro

7 ago 2009
13h40
atualizado às 13h48

O ministro do Esporte, Orlando Silva, confirmou nesta sexta-feira que o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ricardo Teixeira, irá negociar com a Confederação Sul-americana de Futebol (Conmebol) para que a Copa América que seria realizada no Brasil em 2015 seja adiada em quatro anos. A proposta é que o Brasil abra mão do direito de ceder o campeonato em 2015 e o organize em 2019, quando o Chile teria direito de receber o torneio.

» Jorginho: base já está montada
» Zagueiro desfalca Argentina
» Maradona vai convocar Ortega
» Ballack volta à seleção alemã

"O presidente (Lula), em um encontro com a presidente do Chile, Michelle Bachelet, ouviu um pedido para que houvesse uma inversão da Copa América, que é o torneio continental de futebol. O presidente da CBF aceitou e vai agora tratar com organismos como a Conmebol, que é a confederação sul-americana, para que o Chile faça a Copa América em 2015 e o Brasil em 2019", declarou.

"É uma forma de o presidente atender uma proposta de um país vizinho, de um país amigo. É a relação diplomática a partir do esporte", disse.

Seleção Brasileira é a atual campeã da Copa América
Seleção Brasileira é a atual campeã da Copa América
Foto: AFP
Fonte: Terra
publicidade