PUBLICIDADE
Logo do

Seleção Japonesa

Meu time

BH: bandeira da Fifa é vaiada, fãs têm cartaz tomado e quase são expulsos

22 jun 2013 16h38
| atualizado às 16h53
ver comentários
Publicidade
Manifestantes tiveram cartaz tomado pela Fifa
Manifestantes tiveram cartaz tomado pela Fifa
Foto: Terra

Os protestos contra os gastos excessivos da Copa do Mundo e a corrupção no Brasil continuam em Belo Horizonte. Neste sábado, durante o jogo entre Japão e México, no Estádio do Mineirão, pela Copa das Confederações, a bandeira da Fifa foi vaiada por mais de 40 mil pessoas na arena, enquanto uma dupla de manifestantes quase foi expulsa por funcionários da entidade.

Os advogados Tiago Quirino e Pedro Savaget, 26 e 28 anos, respectivamente, entraram no complexo esportivo com uma cartolina que pedia mais educação e mais saúde no Brasil. Foram repreendidos por voluntários da Fifa, que tomaram o cartaz das mãos deles e rasgaram.

Dupla quase foi expulsa do Mineirão
Dupla quase foi expulsa do Mineirão
Foto: Terra

Um deles, sem camisa e com os dizeres "mais escola e saúde" na barriga, ainda gritou para a imprensa internacional que o Brasil precisava de investimentos nesses setores e ainda fez críticas contra a entidade máxima do futebol.

Os dois foram levados para longe por funcionários do Mineirão, mas após a abordagem da imprensa acabaram sendo deixados de lado e não foram expulsos, o que aconteceria inicialmente. A Fifa vetou a entrada de torcedores com cartazes a favor do protesto nos estádios em que acontecem a Copa das Confederações.

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade