0
Logo do Copa do Brasil
Foto: terra

Copa do Brasil

Vantagem do Santos jamais foi revertida em 21 anos de torneio

4 ago 2010
19h08
atualizado às 21h01
Diego Garcia

O Santos venceu a primeira partida da decisão da Copa do Brasil contra o Vitória por 2 a 0, na Vila Belmiro, e levou uma grande vantagem para o duelo de volta, que será realizado nesta quarta-feira, às 21h50, no Barradão. O resultado é tão expressivo que jamais uma equipe derrotada por 2 a 0 no confronto de ida de uma final conseguiu reverter o placar adverso, em 21 anos que de disputa do torneio nacional.

O resultado aconteceu apenas três vezes na história da competição. A primeira foi em 2005, quando o Paulista derrotou o Fluminense no Estádio Jayme Cintra e levou a vantagem para o Rio de Janeiro. No Estado carioca, o time paulista conseguiu um empate sem gols e levou o primeiro título nacional para a cidade de Jundiaí.

A segunda oportunidade que um 2 a 0 surgiu na partida de ida da decisão foi no ano seguinte, quando o Flamengo disputou com o Vasco o troféu de campeão do torneio. No jogo de ida, vitória da equipe rubro-negro por 2 a 0. No duelo de volta, novo triunfo - dessa vez por 1 a 0 - deu ao clube da Gávea seu segundo título de Copa do Brasil.

A terceira e última vez que esse resultado aconteceu foi no ano passado. O Corinthians recebeu o Internacional no Pacaembu e despachou o rival com um gol de Jorge Henrique e outro de Ronaldo. No embate de volta, um emocionante empate por 2 a 2 deu o tricampeonato da competição ao clube do Parque São Jorge.

Em 2010, o Santos tem a chance de manter a escrita dos 2 a 0 e de vencer a Copa do Brasil, torneio que o time praiano jamais conquistou em sua história. Resta saber se os meninos da Vila Belmiro vão ter maturidade suficiente para segurar o Vitória, que busca seu primeiro título nacional e vai contar com o apoio de milhares de torcedores em um Barradão lotado.

Placar adverso no primeiro jogo da decisão já foi revertido:

Apesar de o resultado de 2 a 0 nunca ter sido batido em uma final de Copa do Brasil, os clubes que venceram a partida de ida não conquistaram o título em três oportunidades. Isso aconteceu em 1992, quando o Fluminense venceu o Inter por 2 a 1 e perdeu na volta por 1 a 0; em 1998, com o Palmeiras derrotando o Cruzeiro por 2 a 0, após revés no duelo de ida por 1 a 0; e em 2008, no título do Sport sobre o Corinthians depois de derrota por 3 a 1 no primeiro embate e vitória por 2 a 0 no jogo de volta.

Retrospecto favorece equipe santista na final da Copa do Brasil
Retrospecto favorece equipe santista na final da Copa do Brasil
Foto: Gazeta Press
Especial para Terra

compartilhe

publicidade
publicidade